Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Violência dominou a Região Metropolitana de Fortaleza no fim de semana, com nove pessoas assassinadas

Feriado 7 corpo na Serrinha
Vários assassinatos misteriosos ocorreram entre sexta-feira e o domingo na RMF
A violência dominou a Região Metropolitana de Fortaleza durante o último fim de semana, além de uma tentativa de chacina que deixou três mortos e dois feridos, em Aquiraz, outras seis pessoas foram assassinadas, totalizando nove homicídios entre a última sexta-feira (9) e a madrugada desta segunda (12).
A tentativa de chacina em Aquiraz aconteceu quando bandidos em uma caminhonete de cor preta apareceram em um bar onde acontecia uma seresta, na periferia da cidade, e passaram a atirar. No local, morreram os jovens Davi Almeida da Silva, 22 anos; e Claírton Lima Valentim, 25. João Paulo Bento da Silva foi socorrido à UPA de Aquiraz, onde faleceu.
Outros dois jovens, identificados como Valdemir da Silva, 21 anos; e Maria Sheila da Silva, 20, foram também levados para UPA. Sheila foi atendida e recebeu alta médica. Já Valdemir, em estado grave, foi transferido por uma ambulância do Samu, com escolta da PM, para o IJF.
Outros crimes
Além da tentativa de chacina, aconteceram mais dois homicídios no Eusébio, além de outros quatro assassinatos nos Municípios de Maracanaú, Pacajus, Caucaia e Aquiraz,
Uma das vítimas foi um taxista, identificado apenas por “Mangabeira” que trabalhava na praça do Eusébio. Na noite de ontem, ele foi perseguido em seu táxi e morto, a tiros, na localidade de Tapuio, em Aquiraz.
Outros dois homens, identificados por Yuri e Luís, foram assassinados em locais distintos no Município do Eusébio ainda na sexta-feira passada. Os homicídios aconteceram no intervalo entre 13 e 19 horas.
Em Pacajus, o corpo de um homem, sem identificação, foi encontrado crivado de balas na localidade conhecida como Estrada da Itaipava, por volta das 23h30 de sexta-feira. A Polícia suspeita que a vítima tenha sido seqüestrada noutro lugar e levada até a estrada, onde acabou executada sumariamente.
Outro desconhecido foi assassinato, também a tiros, na periferia de Caucaia, por volta de 14 horas de sábado (10). Crime aconteceu na Rua do Brás. ////blogdofernandoribeiro.com.br

Disputa por território de drogas pode ter motivado uma tentativa de chacina na Região Metropolitana de Fortaleza no fim de semana

PERICIA
Os corpos foram recolhidos pelo rabecão do IML já no começo da manhã de domingo
A rivalidade e disputa pelo território para a venda de drogas teriam sido os motivos de uma tentativa de chacina que terminou em triplo assassinato, na madrugada do domingo (11) ,no Município do  Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Além dos três mortos, outras duas pessoas ficaram feridas, a tiros, e uma delas permanece em estado grave.
Segundo o major PM Giorgio Gonçalves, comandante do Ronda do Quarteirão do Eusébio (5ª Companhia do 2º BPCom), o crime aconteceu quando sete bandidos chegaram a um bar onde ocorria uma seresta. Eles estavam em uma caminhonete preta e portavam armas de grosso calibre. Os criminosos desceram do carro já de arma em punho e dizendo que era a Polícia.
Mortos
Os tiros foram disparados para todos os lados. Dois homens, identificados como Davi Almeida da Silva, 22 anos; e Claírton Lima Valentim, 25 anos, morreram no local. Já o jovem João Paulo Bento da Silva, 25 anos, chegou a ser socorrido por amigos e levados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Aquiraz, onde faleceu logo após dar entrada na Emergência.
A jovem Maria Sheila da Silva foi atendida na UPA e liberada por alta médica. Já o jovem Valdemir da Silva, 21 anos, em estado considerado grave, foi transferido para o Instituto Doutor José Frota (IJF-Centro), em Fortaleza, onde permanece.
Logo após o crime, os atiradores fugiram na caminhonete a não foram ainda localizados. Equipes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e da Perícia Forense do ceará (Pefoce) estiveram no local do crime iniciando as investigações por parte da Polícia Civil. /////blogdofernandoribeiro.com.br