Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Jovem tenta entrar em cadeia com pão recheado de maconha, em Iguatu



A droga estava nos pães apreendidos pelos agentes penitenciários (Foto: Richard Lopes/Agência Miséria)


Agentes penitenciários da cadeia de Iguatu flagraram o ex-presidiário Ronulfo Alves da Silva, de 19 anos, natural de Icó, tentando entrar na unidade prisional com um pão com recheio de maconha na tarde dessa quarta-feira (21).  A informação é do repórter policial Richard Lopes.

Na vistoria os agentes encontraram seis papelotes de maconha. Ronulfo foi autuado por tráfico de drogas pelo delegado plantonista Marcos Sandro Nazaré de Lira.

Segundo o delegado Marcos Sandro, Ronulfo Alves tinha saído a cerca de um mês da cadeia. Ele já responde por furto e tráfico de drogas. O ex-presidiário  havia sido preso depois de pular o muro da delegacia e arremessar um pacote com droga para detentos. Ronulfo, mais uma vez regressou ao presídio de Iguatu onde está à disposição da justiça.

Mulher é assassinada durante briga de casal e o marido saiu ferido em Araripe


Eva Ribeiro Nunes foi morta com um tiro no peito pelo marido (Foto: Reprodução)

Uma discussão por motivos banais entre marido e mulher resultou na morte dela e o companheiro saiu baleado e se encontra internado sob escolta policial no Hospital Regional do Cariri em Juazeiro do Norte. O fato aconteceu por volta das 10 horas da manhã desta quarta-feira na residência do casal situada no Sítio Serra do Mundeu a uma distância de 18 Km em relação ao centro de Araripe.

A polícia soube que, no calor da discussão, Eva Ribeiro Nunes, de 35 anos, teria apanhado uma espingarda tipo socadeira e efetuou um disparo atingindo o agricultor Antonio Laerte Freire de Andrade, de 45 anos, no peito esquerdo. Mesmo baleado, ele apanhou outra espingarda artesanal e revidou lesionando a companheira também no peito esquerdo e esta morreu no local.

Ele foi socorrido às pressas na própria viatura da Polícia Militar ao Hospital Lia Loiola de Alencar de Araripe, mas terminou transferido ao HRC de Juazeiro, a fim de ser submetido a uma cirurgia. No imóvel, os PMs recolheram as duas espingardas as quais foram entregues na Delegacia de Araripe. Este foi o segundo homicídio do mês de setembro em Araripe e o quarto do ano.

Esta se constituiu na 15ª mulher assassinada este ano na região do Cariri e a última morta em Araripe foi há pouco mais de dois anos e oito meses. No dia 14 de janeiro de 2014 a agricultora Lídia Maria Moreira da Silva, de 32 anos, foi morta com duas facadas no pescoço em sua residência nas Casas Populares do Distrito de Pajeú. O corpo foi encontrado pela mãe e o sobrinho Rafael dormia, sendo apontado como suspeito, mas negou. A irmã dela, Ilma Moreira, já tinha sido mora no dia 23 de agosto de 2013.


Fonte:  .miseria.com.br