Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Violência no fim de semana de eleições deixa 34 mortos, conforme balanço parcial

balas
Ao menos, 34 pessoas tiveram morte violenta no Ceará no fim de semana marcado pelo Segundo Turno das Eleições-2016. O balanço ainda é parcial, mas aponta 30 casos de homicídios e quatro mortes em acidentes de trânsito.
Somente em Fortaleza, foram registrados oitos crimes de morte nos seguintes bairros: Itaperi, Sabiaguaba, Álvaro Weyne, Pirambu (2 casos), Vila Velha, Henrique Jorge e Messejana.
Na região Metropolitana de Fortaleza (RMF), foram seis assassinatos nos seguintes Municípios: Caucaia (2 casos), Maracanaú (2), Marangaupe, Pactuba,
No Interior Norte, seis pessoas foram assassinadas nos Municípios de Redenção, Capistrano, Ipu, Pentecoste, Boa Viagem e Itapipoca.
No Interior Sul, foram mais 10  homicídios, em cidades como: Araripe (2 casos), Missão Velha, Quixadá, Parambu, Aracati, Icapuí, Senador Pompeu e mais duas cidades não especificadas nos boletins da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).
Trânsito
Quatro mortos. Este foi o resultado de acidentes ocorridos nas rodovias estaduais que cortam o Ceará. Os desastres com mortos ocorreram nos Municípios de Icó, Cariré, Senador Sá e Tabuleiro do Norte. Foram registradas três colisões e um atropelamento.
Eleições
Pelo menos, um dos 30 homicídios registrados no fim de semana teve relação direta com as eleições. O fato ocorreu em Fortaleza, onde um policial militar (identidade não revelada) matou um homem a tiros no bairro Pirambu.
O crime ocorreu por volta de 9 horas, na Rua Camélia, onde Antônio Carlos da Silva , 19 anos, foi executado a tiros pelo PM que ocupava um veículo modelo Fox, cor preta. Logo após o crime, o militar (soldado) se apresentou na sede da Controladoria Geral de Disciplina (CGD).
Testemunhas informam que os dois homens teriam discutido por conta de candidatos a prefeito de Fortaleza.  O homem morto era envolvido com tráfico de drogas e homicídios e tinha um mandado de prisão em aberto.
Já a Polícia Federal fez o registro  de apenas sete Termos Circunstanciados de Ocorrência (T.C.O.s), além de 11 pessoas que foram conduzidas à sede da instituição acusadas de crimes como “boca de urna” e propaganda irregular.  Dois mesários foram detidos em flagrante em uma secção eleitoral, na Praia de Iracema, quando votavam em nome de pessoas que não compareceram às urnas. ///////blogdofernandoribeiro.com.br

Vereadores de Iguatu recuam e cancelam aumento de 100% no próprio salário


Após recomendação emitida na última terça-feira (25/10) pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), a Câmara Municipal de Iguatu decidiu, por unanimidade, pelo cancelamento do aumento de cerca de 100% nos subsídios dos vereadores.

O aumento foi aprovado no dia 28 de setembro, em sessão extraordinária realizada no mesmo dia em que foi aprovada a sua convocação em sessão ordinária, na qual foi convocada ainda outra sessão extraordinária em que houve apresentação de parecer oral das Comissões de Constituição, Justiça e Redação Final e de Orçamento, Finanças e Fiscalização sobre a proposta.

Irregularidades

O titular da Promotoria de Justiça do Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Iguatu, promotor de Justiça Fábio Ottoni, apontou diversar irregularidades no processo de aprovação do aumento.

Segundo o promotor, a deliberação acerca do projeto foi realizada em três sessões – uma ordinária e duas extraordinárias – ocorridas no mesmo dia, às 10 horas, às 16 horas e às 16h30, respectivamente, ferindo os princípios da moralidade, da publicidade e da legalidade, pois o Regimento Interno da Câmara Municipal de Iguatu prevê que as Sessões Extraordinárias serão convocadas com antecedência de cinco dias, mediante comunicação escrita aos vereadores e fixação de edital no átrio do edifício da Casa Legislativa.

Fonte: Ceará News 7