Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Avião com deputado José Rocha sofre acidente


O deputado federal José Rocha (PR) sofreu um acidente de avião no início da tarde desta quarta-feira (26), na cidade de Coribe, região oeste da Bahia. De acordo com informações da assessoria do parlamentar, Rocha não sofreu ferimentos e já está em casa. O incidente ocorreu durante o pouso da aeronave, um bimotor modelo Seneca, após o avião sair da pista e derrapar. No avião, estava também o prefeito eleito do município de Cocos, Dr. Marcelo, e o piloto, que não ficaram feridos. O deputado participaria de compromissos políticos em Coribe, onde o filho Manoel Rocha é prefeito, em Cocos e cidades da região.

ÚLTIMA HORA: Supremo decide que desaposentação é ilegal



O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (26) considerar ilegal a desaposentação - a possibilidade de o aposentado pedir a revisão do benefício por ter voltado a trabalhar e a contribuir para a Previdência Social.

A legalidade do benefício estava em julgamento na Corte há dois anos e sofreu sucessivos pedidos de vista. Mais de 180 mil processos estavam parados em todo o país aguardando a decisão do Supremo. Antes da decisão do Supremo, segurados ganharam ações individuais na Justiça para obter a revisão da aposentadoria. Para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), o segurado deve devolver todos os valores que foram pagos, em parcela única, para ter direito ao recálculo do benefício.

Por 7 votos a 4, os ministros consideraram a desaposentação inconstitucional por não estar prevista na legislação. Votaram contra o recálculo da aposentadoria os ministros Dias Toffoli, Teori Zavascki, Edson Fachin, Luiz Fux, Gilmar Mendes, Celso de Mello, e a presidente, Cármen Lúcia. A favor votaram Marco Aurélio, Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Ricardo Lewandowski.

A validade da desaposentação foi decidida após um aposentado pedir ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a interrupção do pagamento da atual aposentadoria por tempo de serviço e a concessão de um novo benefício por tempo de contribuição, com base nos pagamentos que voltou a fazer quando retornou ao trabalho.

AGU

Em parecer enviado hoje (26) ao Supremo, a Advocacia-Geral da União (AGU) defendeu que para a concessão da desaposentação seria necessário que o segurado devolva todos os valores recebidos durante a aposentadoria.

A AGU entende que a revisão sem a devolução dos valores contraria a Constituição Federal, que estabelece o "caráter contributivo da Previdência Social e a necessidade de preservação do equilíbrio entre suas receitas e despesas”.

Agência Brasil - Edição: Fábio Massalli

Papagaio revela à dona que marido está tendo caso com a empregada



A mulher já desconfiava das atitudes do marido.
O título dessa matéria parece até aquelas velhas piadas que todo mundo está cansado de ouvir. Mas, dessa vez, a situação ocorreu de verdade no Kuwait. Um papagaio revelou à dona que o marido dela estava tendo um caso com a empregada. Isso porque a ave começou a falar frases com teor sedutor, que ela nunca tinha ouvido antes.

A mulher já desconfiava das atitudes do marido. Certa vez, ele se mostrou muito incomodado quando a mulher decidiu ir para casa mais cedo, , segundo conta o jornal Metro. Dessa forma, quando papagaio começou a tagarelar as supostas frases ditas pelo homem à empregada, ela não pensou duas e foi procurar a polícia. No Kuwait, o adultério é crime.

No entanto, a polícia não pode fazer nada em relação ao suposto crime, pois o papagaio também pode ter ouvido as novas palavras na televisão ou no rádio. Assim, o caso foi suspenso pelas autoridades.

Com informações do Metrópoles