Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Pai que estuprou filha é condenado a 1.503 anos de prisão nos EUA


A Justiça dos Estados Unidos sentenciou na última sexta-feira (21) Rene Lopez, um homem de 41 anos, a nada menos que 1.503 anos de prisão. O réu foi acusado de ter estuprado sua filha adolescente por diversas vezes em um período de quatro anos.

O pedido de condenação partiu da procuradoria e foi aceito pelo juiz do caso, tornando-se a maior sentença já registrada pela Corte Superior da cidade de Fresno (California), onde o caso ocorreu. As informações são do jornal local "The Fresno Bee".

"Quando meu pai me abusou, eu era jovem. Eu não tinha poder, não tinha voz. Era inofensiva", vítima do estupro, que agora tem 23 anos e não teve o nome divulgado pelo jornal

No último mês de setembro, o júri considerou Lopez culpado de 186 crimes de assédio sexual, sendo dezenas deles de estupro de menor.

Segundo Nicole Galstan, procuradora do município, a jovem foi primeiramente abusada por um amigo da família. Em vez de proteger a filha, o pai "escolheu transformar ela em uma propriedade para satisfazer seus próprios desejos sexuais", nas palavras da procuradora.

Acredita-se que a garota tenha sido estuprada de duas a três vezes por semana entre maio de 2009 e maio de 2013. O ato só acabou, segundo a procuradora, quando a vítima tomou coragem de deixar o pai. Mesmo assim, o pai passava pela nova casa da vítima e deixava músicas românticas em recados na caixa-postal.

Lopez foi finalmente preso pela polícia em novembro de 2013, após a filha ligar para a polícia e denunciar o abuso. Antes do julgamento, a corte ofereceu 22 anos de prisão para Lopez caso ele assumisse a culpa. O pai recusou a proposta e disse que deveria ser libertado pelo tempo que já havia cumprido.

O réu não testemunhou e afirmou em uma carta para o juiz que não teve um julgamento justo, além de afirmar que a sua filha mentiu. "É tudo boato", escreveu na carta.

No anúncio da sentença, o juiz Edward Sarkisian Jr. Afirmou que Lopez abusou da posição de confiança, realizou conduta violenta e é um "sério perigo para a sociedade". O magistrado ainda citou que o réu nunca demonstrou remorso e culpa a própria filha pelos estupros.

Sarkisian disse ainda que, quando a garota ficou grávida, o pai pagou pelo aborto. E ainda dirigiu as seguintes palavras para a vítima: "você é uma jovem corajosa".

Via Uol

Estudante de Direito é morta pelo namorado em festa universitária



Uma estudante de direito foi morta durante uma festa universitária em São José dos Campos, São Paulo), neste sábado (22). Mariana Angélica Fidélis Damasceno, 22, levou um tiro na cabeça que teria sido disparado pelo seu namorado, o policial militar Welington Aparecido Landim, 24. Landim se matou na sequência também com um disparo de sua arma (pistola ponto 40).

O local sediava um churrasco entre universitários que estão prestes a se formar pela Universidade do Vale do Paraíba.

Com informações da Folha de São Paulo

CIENTISTAS FINALMENTE DESCOBREM POR QUE COMER CARNE VERMELHA CAUSA CÂNCER



Você provavelmente já ouviu falar que comer carne vermelha pode causar câncer. A história parece ser verdadeira e o motivo finalmente foi descoberto.

De acordo com um estudo da Universidade da Califórnia, comer carne vermelha realmente aumenta o risco do surgimento de um câncer.

E o motivo é um tipo de açúcar.

Como assim?

Sente e leia com atenção, pois esta informação é importante. Quando se trata de comer carne vermelha, os seres humanos são aqueles que têm maiores riscos de câncer em comparação a outros animais carnívoros.

Há um açúcar com o nome Neu5Gc que é encontrado na maior parte dos carnívoros, mas não em seres humanos. 

Este açúcar desencadeia uma resposta imunitária que provoca a inflamação.

Ele pode ser encontrado em carnes vermelhas (carne de porco e de outros animais), leite de vaca e em certos queijos.

Este estudo foi realizado em ratos e todas as evidências ligando o Neu5Gc ao câncer era circunstancial ou indiretamente prevista a partir de montagens experimentais.

Os cientistas afirmaram que era a primeira vez que se imitava a situação exata em seres humanos através da ingestão de Neu5Gc não humano e induzindo anticorpos anti-Neu5Gc.

Houve um aumento espontâneo de casos de câncer nos ratinhos.

Os corpos humanos são incapazes de produzir Neu5Gc naturalmente.

Assim, quando esse açúcar absorvido em nossos tecidos, ele é visto como um invasor estranho, que conduz à ativação do sistema imunitário e, posteriormente, resultará em inflamação.

Se o contato do nosso sistema imunológico com esse açúcar for muito intenso e frequente, a situação piora, pois levará à inflamação crônica.

E o câncer, segundo esses cientistas, pode surgir como o resultado desta inflamação esta crônica. 

Isso significa que as pessoas que consomem carne vermelha regularmente vão sofrer com certeza uma reação mais forte do que aqueles que ingerem carne vermelha apenas ocasionalmente.

Isso mostra que, ao reduzir o consumo de carne vermelha, você reduz também a chance de doenças como o câncer.

Conclusão: devemos diminuir ou mesmo evitar o consumo de carne vermelha para impedir ima inflamação que pode resultar em câncer. 

E o motivo é simples, segundo os pesquisadores: os seres humanos não são rigorosamente carnívoros.

E a prova disso é que são incapazes de produzir o açúcar Neu5Gc, que é encontrado naturalmente nos animais que realmente são carnívoros.

Cura pela Natureza