Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

terça-feira, 11 de julho de 2017

Imagens mostram mulher-bomba segurando bebê momentos antes de detonar artefato


Vídeo mostra que mulher tentou detonar artefato enquanto passava por soldados iraquianos
Vídeo mostra que mulher tentou detonar artefato enquanto passava por soldados iraquianos

Um vídeo filmado na cidade de Mosul, no Iraque, mostram uma mulher-bomba segurando uma criança em seus braços momentos antes de explodir a si mesma e à criança. As informações são do jornal britânico The Independent.
Inicialmente, a imagem faz parecer que a mulher foge de Mosul — que estava sob controle do Estado Islâmico, mas era retomada pelo governo naquele momento. As imagens revelam, entretanto, ela segurava um artefato detonado segundos depois.
Alguns iraquianos se feriram na hora do incidente, mas apenas a mulher e a criança morreram.
Os vídeos capturados por estações de TV iraquianas exibem a mulher correndo em meio às tropas nacionais enquanto militantes do Estado Islâmico são expulsos de seus últimos redutos em Mosul. Ela parece tentar detonar um colete de explosivos escondido debaixo de suas roupas enquanto passa pelos soldados iraquianos, sem sucesso. A explosão ocorreu a certa distância das tropas.

Governo sofre derrota e relator dá parecer favorável à denúncia contra Temer na CCJ

Resultado de imagem para Governo sofre derrota e relator dá parecer favorável à denúncia contra Temer na CCJ
Em uma derrota para o governo, o deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ), relator da denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB), deu parecer favorável nesta segunda-feira (10) a que a Câmara dos Deputados autorize o prosseguimento do processo contra o presidente.

"A denúncia não é inepta. Por ora, o que temos são indícios de autoria, o que a meu sentir enseja o deferimento da autorização", disse Zveiter. "As [análises das] provas concretas são obrigatórias apenas no final do processo", disse o relator, dizendo que, nesta fase, os indícios são suficientes para abrir o processo.

Uol