Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quarta-feira, 26 de julho de 2017

CNH TERÁ VERSÃO DIGITAL A PARTIR DE FEVEREIRO DE 2018


Motoristas que esquecerem a CNH em casa poderão se identificar por um aplicativo de celular e evitar multas.
A partir de fevereiro de 2018, os motoristas de todo o país não serão mais multados caso sejam pegos dirigindo sem a Carteira Nacional de Habilitação. Isso porque o Conselho Nacional de Trânsito aprovou nesta terça-feira (25) um projeto que cria uma versão digital da CNH.

Na prática, será permitido que motoristas de todo o país se identifiquem por meio de um aplicativo de smartphone. Apesar da novidade, a CNH tradicional seguirá sendo impressa normalmente. “Estamos dando um passo à frente, desburocratizando o processo. Há um conjunto de padrões técnicos para suportar um sistema criptográfico que assegura a validade do documento. Com isso, quem esquece a CNH em casa, não estará sujeito à multa e pontos na carteira. Basta apresentar o documento digital”, diz Bruno Araújo, Ministro das Cidades.

Assim, seguirá sendo obrigatório dirigir portando a CNH, seja ela impressa ou no aplicativo online. Para se certificar de que aquele documento virtual é válido, policiais e agentes de trânsito utilizarão um sistema de assinatura com certificado digital ou de leitora de códigos QR. Por enquanto,porém, este aplicativo ainda está em fase de testes.

Desde maio deste ano, todas as CNHs emitidas no país contam com um código QR impresso no verso do documento. Segundo o Ministério das Cidades, o objetivo da tecnologia é evitar fraudes e não é necessário atualizar o documento apenas para contar com o código QR. O objetivo do governo é que todas as habilitações sejam atualizadas conforme o prazo de vencimento padrão.

Fonte: Revista Auto Esporte

Ceará e mais 13 estados são alvos de ação contra pornografia infantil na internet

A "Operação Glasnost" foi deflagrada hoje para o cumprimento de 72 mandados de prisão preventiva.
O Ceará e mais 13 estados brasileiros são alvos de uma operação que a Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira, no combate à exploração sexual de crianças e propagação de pornografia infantil na internet. Foram expedidos 72 mandados de busca e apreensão, três de prisão preventiva e dois de condução coercitiva em 14 estados. Além do Ceará, a operação atinge os seguintes estados: Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Pernambuco, Bahia, Maranhão, Piauí, Pará e Sergipe.

A ação representa a segunda fase da operação Glasnost, deflagrada em novembro de 2013. Nesta manhã foram mobilizados 350 agentes da PF, que atuam em 51 municípios. A investigação monitora um site russo que reúne pedófilos de todo o mundo, o que possibilitou a polícia a identificar usuários brasileiros e estrangeiros que compartilhavam pornografia infantil. Os suspeitos produziam e armazenavam imagens e vídeos de adolescentes, crianças e bebês sendo abusados, permitindo que a PF também encontrasse as vítimas.
Na primeira fase da ação, em 2013, foram realizadas 30 prisões em flagrante por posse de pornografia infantil e cumpridos 80 mandados de busca e prisão.

A operação, batizada Glasnost, faz referência ao termo russo que significa transparência. Segundo a PF, a palavra foi escolhida porque a maior parte dos investigados utilizava servidores russos para se integrar à rede de compartilhamento de imagens.

Via Cearanews7