Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

terça-feira, 25 de julho de 2017

ESSA JUSTIÇA BRASILEIRA É LITERALMENTE UMA MÃE


A Justiça de Mato Grosso do Sul concedeu ao filho da presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul, a desembargadora Tânia Garcia de Freitas Borges, o direito de aguardar o seu julgamento por tráfico, agendado para esta quinta-feira (20), em liberdade.

Isso porque o "empresário" Breno Fernando Solon Borges, 37, preso com maconha, munições de fuzil e uma pistola 9 milímetros, armamento de uso restrito das Forças Armadas no Brasil, foi diagnosticado com “Síndrome de Borderline”, doença que segundo laudos atestados por psiquiatras e inclusos no processo, “consiste basicamente no desvio dos padrões de comportamento do indivíduo, manifestado através de alterações de cognição, de afetividade, de funcionamento interpessoal e controle de impulsos.”

Breno, que já tinha passagem por porte ilegal de arma, era alvo de uma investigação por parte dos agentes federais, acusado de participar de um esquema de tráfico de drogas e armas para traficantes do interior de São Paulo, utilizando como fachada corridas de motos.

Fonte: O GLOBO///via //sobral24horas.com

MAIS UMA MULHER É ASSASSINADA NO CEARÁ!



Uma mulher morreu depois de ser atingida com um tiro na testa no bairro Passaré, em Fortaleza. A ação criminosa ocorreu no início da manhã de sábado (22), na Rua Pedro Veríssimo. 

A polícia informou que dois homens em uma moto se aproximaram e atiraram na vítima. A mulher, que não foi identificada, chegou a ser socorrida pelo Samu, mas morreu antes de chegar na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). 

Ainda segundo a PM, a mulher tinha envolvimento com o tráfico. Ninguém foi preso. 

Matéria do portal Cnews