Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

INCRÍVEL: APRENDA A ELIMINAR VERRUGAS USANDO APENAS UMA FITA ISOLANTE!


As verrugas são causadas pelo vírus do papiloma humano (HPV), que tem mais de cem subtipos. Elas geralmente são inofensivas e, em algumas pessoas, costumam surgir com frequência, indicativo de queda na imunidade.

Nas crianças, elas desaparecem naturalmente depois de um tempo. Já nos adultos é preciso ficar atento. Caso elas não desapareçam depois de algumas semanas, deve-se procurar um médico, no caso, um bom dermatologista.

Há ótimas receitas caseiras para eliminar verrugas.

Selecionamos cinco:

1. SUMO DE CEBOLA

Descasque uma cebola e corte-a em pedaços.

Depois, amasse ou esprema para que saia um sumo, que você vai passar na verruga.

Faça isso três vezes por dia até a verruga ser eliminada.

2. DENTE DE ALHO

Amasse bem um dente de alho deixe-o sobre a verruga com o auxílio de uma fita adesiva ou um esparadrapo.

Troque o alho todos os dias e mantenha o tratamento até a verruga “cair".

3. CASCA DE BANANA

Passe a parte interna da casca de uma banana na verruga quatro vezes por dia.

Normalmente, em uma semana a verruga desaparece.

4. LEITE DE MAMÃO

Pegue um mamão verde e faça um furo até sair o leite da fruta. Use um cotonete para passar esse leite na verruga.

Faça três aplicações por dia, até ela desaparecer.

5. ANTISSÉPTICO BUCAL

Este tratamento não é natural como os outros, mas é caseiro e funciona mesmo.

Passe na verruga, com um algodão, um pouco de antisséptico bucal sem álcool.

Faça isso três vezes por dia.

Em duas semanas, ou menos, a verruga ficará sequinha e desaparecerá.

6. FITA ISOLANTE

Pode parecer inacreditável, mas você pode se livrar de verrugas apenas com fita isolante.

Pegue um pedaço de fita isolante e envolva a verruga com ele.

Mantenha essa fita sobre a verruga por seis dias.

Se for necessário, troque o pedaço de fita isolante.

Após seis dias, você deve retirar a fita e mergulhar a verruga em um recipiente com água pura por cerca de 10 minutos.

Você pode repetir este método tanto quanto for necessário, até que a verruga desapareça.

O tempo que será necessário para você se livrar da verruga depende do tamanho dela.

Algumas desaparecem em dias, outras demoram mais.

Mas o fato é que, se você persistir, a verruga será completamente eliminada.

Essa dica não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Fonte: Cura pela natureza

Policial Civil reage a tentativa de assalto e mata suspeito



Um policial civil reagiu a uma tentativa de assalto, foi baleado e mesmo baleado matou um dos suspeitos na Avenida Leste Oeste, nas proximidades da Gerdau. O que morreu, junto com outro rapaz teriam abordado a vítima e anunciado o roubo. O policial, que não teve o nome revelado, reagiu e atirou.

Os dois elementos investiram contra o policial, na tentativa de subtrair seus pertencentes, mas ele puxou a arma e revidou, mesmo baleado conseguiu matar um dos elementos. É um caso de legítima defesa. 

O fato aconteceu na manhã desta segunda-feira, dia 2.

Fonte: pirambunews

ATENÇÃO! Devedores de pensão alimentícia poderão perder direito a carteira de motorista



Quem estiver devendo pensão alimentícia poderá ter a carteira de motorista suspensa e o passaporte apreendido ou proibido de ser emitido, assim como ter suspenso o direito de participar de licitações públicas e ser proibido de firmar contratos com a administração pública. É o que propõe a senadora Lídice da Mata (PSB-BA), no Projeto de Lei do Senado 427/2016, em análise na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ).

A lei já pune com pena de prisão quem deixa de pagar a pensão alimentícia. Contudo, ressalta a senadora, a cobrança de dívidas alimentares na Justiça brasileira ainda é lenta, e essa demora para impor o cumprimento do pagamento, na maioria dos casos, deixa em situação crítica menores de idade que são sustentados com tais recursos. Ao ampliar as penalidades previstas ao devedor, a proposta pretende dar ao juiz alternativas de pressão para compelir ao pagamento dos alimentos.

“A legislação deve avançar mais em busca de novos instrumentos legais para que a execução de alimentos se torne mais rápida e efetiva”, argumenta Lídice na justificação ao projeto.

A autora analisa que as restrições sugeridas são proporcionais, considerada a natureza alimentar, portanto, urgente dessas dívidas. Em sua opinião, a suspensão do direito de dirigir, por um período de um a 12 meses, e de viajar ao exterior é razoável, afinal, se o devedor não tem recursos para pagar a pensão atrasada, não deveria usufruir “superfluamente” desses direitos. No entanto, o texto garante a continuidade dos direitos a quem provar em juízo que deles dependem para o exercício de suas profissões.

Ela diz ainda que a proibição ao direito de licitar e contratar com a administração pública se justifica sem ressalvas, já que há interesse público em o Estado não contratar com inadimplentes.

O projeto recebe decisão terminativa na CCJ.

Via Wilson Gomes