Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

domingo, 22 de janeiro de 2017

Garota morre tentando simular sua própria morte em vídeo para internet

Os amigos finalmente perceberam que algo estava errado e chamaram uma ambulância, mas os paramédicos pronunciaram Tshidi morta no local.

Garota morre tentando simular sua própria morte em vídeo para internet
O #DeadPoseChallenge, ou desafio da pose de morto, é um novo viral que vem fazendo sucesso nas redes sociais da África do Sul. A ideia, difundida especialmente entre jovens, é imitar uma pose que simule a morte.
Mas a jovem Tshidi Ngwenya, de 19 anos, morreu de verdade ao tentar participar da hashtag. De acordo com informações, ela tropeçou no final de uma escada, caiu e acabou morrendo enquanto seus amigos estavam animados com o “profissionalismo” da pose dela. A jovem teria se sufocado com a própria língua.
Os amigos finalmente perceberam que algo estava errado e chamaram uma ambulância, mas os paramédicos pronunciaram Tshidi morta no local.
Informaçoes do metropolitanafm

SANGRENTO: Tiroteio deixa 11 feridos e três mortos na madrugada deste domingo



Pelo menos 11 pessoas ficaram feridas e três morreram durante tiroteio na comunidade da Carobinha, em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio, na madrugada deste domingo. A informação é da sala da Assessoria de Imprensa da Polícia Militar. Agentes da Divisão de Homicídios estão na comunidade. O batalhão da área, 40º BPM (Campo Grande), também confirmou o confronto e afirmou que os outros feridos foram levados para o Hospital Rocha Faria, em Campo Grande. De acordo com relatos nas redes sociais, a confusão ocorreu em um pagote na favela, por volta das 2h, quando um grupo de 15 a 20 traficantes e milicianos da região iniciou um confronto. Os traficantes estariam tentando retomar o controle da região, e queimaram oito carros, um ônibus e uma máquina retroescavadeira. A Polícia Militar reforça o policiamento na região da Carobinha na manhã deste domingo. Moradores relataram ao EXTRA que estão com medo de ficar na região. Uma família contou que decidiu se mudar ainda este mês. – Nunca vi essa quantidade de tiros. É uma guerra mesmo – disse um morador que não quis se identificar por medo. Em nota, a Polícia Militar informou que policiais foram acionados para verificar a denúncia de que homens armados estavam efetuaram atirando em um grupo de pessoas que participavam de um baile, no interior comunidade. Chegando ao local, houve confronto com marginais. Um policial foi ferido na perna esquerda e levado para o Hospital Rocha Faria. Em seguida os policiais constataram que 11 pessoas ficaram feridas e outras três morreram. Sete pessoas foram socorridas para o Hospital Albert Schweitzer e quatro para Hospital Rocha Faria.O policiamento na região segue reforçado. Extra Globo.com