Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Contribuinte pode atualizar CPF pela internet a partir desta segunda-feira


A partir de amanhã (16), o contribuinte poderá atualizar o CPF pela internet. A Receita Federal oferecerá, no site do órgão, um formulário eletrônico que permite a alteração instantânea de dados como nome, endereço, telefone e título de eleitor.

Segundo a Receita, o serviço estará disponível 24 horas por dia e poderá ser usado tanto por brasileiros como por estrangeiros residentes no Brasil, independentemente da idade. O órgão estima que 191 milhões de contribuintes serão beneficiados pela ferramenta.

O novo serviço será gratuito. Atualmente, o contribuinte que deseja atualizar o CPF precisa ir a uma unidade dos Correios, da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil e deve pagar R$ 7 de tarifa de serviço.

Novo comprovante

Também amanhã, a Receita lançará os novos modelos de comprovante de inscrição e de situação cadastral no CPF, que continuarão a ser emitidos na página da Receita Federal. A principal mudança está na forma de autenticação, que será feita por meio de QR Code, tipo de código usado em dispositivos móveis.

Atualmente, os comprovantes podem ser emitidos na página da Receita na internet. No entanto, de acordo com o órgão, o serviço é pouco usado porque a autenticação exige que os dados do documento (número de inscrição, código de controle, data da emissão e hora da emissão) sejam informados na íntegra para validação. Os dados dos comprovantes CPF com o QR Code serão validados em tempo real com as informações da base de dados da Receita Federal.

Fonte: Agênia Brasil / Edição: Carolina Pimentel

Homem é enterrado com US$ 55 mil para agradar a Deus no juízo final



A ideia de Obong é pagar Deus para que seus pecados sejam perdoados.
Um homem instruiu a mulher a enterrá-lo com US$ 55 mil (cerca de R$ 172 mil) para que ele possa agradar a Deus na hora do "julgamento final". A informação é do site Africa News.

Charles Obong, de Uganda, morreu em dezembro. Ele foi enterrado em um caixão metálico, junto de parentes, no norte do país. No entanto, o sujeito deixou uma instrução para que sua mulher depositasse a dinheirama junto com seus restos mortais.

A ideia de Obong é poder pagar Deus para que seus pecados sejam perdoados. Ele só não contou quais pecados eram esses. Obongo foi funcionário do ministério do Serviço Público de Uganda por dez anos.

A mulher de Obong até cumpriu o desejo do marido. O problema é que familiares pegaram o dinheiro quando o corpo foi exumado neste mês. Pelo jeito, melhor do que tentar comprar a vaga no céu é garantir uma boa vida aqui na Terra mesmo.

Fonte: Uol