Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Pastor promete aumentar tamanho de pênis apenas com um toque



Pastor promete aumentar tamanho de pênis apenas com um toque

O pastor Daniel Obinim, de Gana, protagonizou algumas cenas curiosas que foram divulgadas recentemente em seu próprio canal televisivo. Nas imagens, ele aparece dando uns apertões nas áreas íntimas de dezenas de homens que ficam ao seu redor.
O ritual bizarro parece ter um propósito maior mesmo: com as apalpadas do pastor, os homens esperam que seus pênis fiquem maiores – pois é. Para que as mulheres não se sintam menosprezadas, Obinim também se oferece para promover o aumento milagroso do volume dos seios das moças. Como? Usando o mesmo método que utiliza com os rapazes: apalpadas.
Em declaração veiculada na Obinim TV, o líder religioso deixou bem claro: “Se você não gosta da aparência de qualquer parte do seu corpo, venha até mim”, disse ele.
"Benzendo"

“O que você quer que eu não possa oferecer? Se você quer um bumbum maior, eu posso fazer isso por você. Se você quer seios maiores, eu posso ajudar. Se a sua masculinidade é pequena, eu posso mudar toda ela quando eu venho para o reino espiritual”, continuou ele.
Não é à toa que os métodos de tratamento estético de Obinim tenham sido alvos de críticas em todo o mundo. É cada vez maior o número de pessoas que afirma que seus métodos são controversos e inapropriados – só para você ter ideia, Obinim está respondendo judicialmente a acusações feitas em agosto, quando foi filmado dando chicotadas em adolescentes que considerou sexualmente promíscuos.

Fonte: MEGACURIOSO

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Mais de 3,5 milhões de linhas móveis foram desativadas em outubro no país


A redução se dá por conta de redução de valores que deixou desnecessário o número múltiplo de chips pelos usuários (Foto: Reprodução)

Telecomunicações (Anatel), o mês de outubro de 2016 registrou 247.461.510 linhas móveis em operação, uma queda de 3.566.902 linhas em comparação ao mês anterior, o que representa uma redução de 1,42%. Em comparação com outubro de 2015, houve uma queda de 9,62%, redução de 26.354.641 linhas móveis.

A Anatel informou que a redução do número de linhas é consequência da diminuição do valor da interconexão entre as redes fixas e móveis e do valor de remuneração de uso de rede das prestadoras móveis (VU-M), que permitiu novas ofertas de serviço com redução nos valores praticados para chamadas para a rede de outra prestadora. Com preços menores para este tipo de chamada, o mercado de múltiplos chips perdeu espaço, gerando cancelamentos dos consumidores que possuíam linhas móveis de diferentes prestadores. Além disto, a desaceleração econômica também é um dos motivos do encolhimento da base de acessos móveis.
Estados e Distrito Federal
No quadro abaixo, são apresentadas quantidade de acessos e a densidade da telefonia móvel nas 27 Unidades da Federação e nas cinco regiões do País.
UF
Outubro/2015
Setembro/2016
Outubro/2016
AC
904.352
0,33%
793.918
0,32%
788.376
0,32%
AL
3.999.272
1,46%
3.519.769
1,40%
3.410.693
1,38%
AM
4.034.336
1,47%
3.503.549
1,40%
3.487.403
1,41%
AP
893.157
0,33%
754.243
0,30%
747.255
0,30%
BA
17.972.631
6,56%
16.311.062
6,50%
15.918.744
6,43%
CE
11.325.567
4,14%
10.337.698
4,12%
10.055.938
4,06%
DF
6.111.513
2,23%
5.430.266
2,16%
5.386.212
2,18%
ES
4.281.075
1,56%
3.915.505
1,56%
3.887.461
1,57%
GO
9.301.387
3,40%
8.461.165
3,37%
8.204.140
3,32%
MA
6.497.409
2,37%
5.968.522
2,38%
5.914.317
2,39%
MG
26.149.033
9,55%
23.917.649
9,53%
23.746.978
9,60%
MS
3.685.239
1,35%
3.355.802
1,34%
3.335.259
1,35%
MT
4.528.168
1,65%
4.143.739
1,65%
4.106.402
1,66%
PA
8.978.278
3,28%
7.838.186
3,12%
7.753.900
3,13%
PB
4.979.489
1,82%
4.505.272
1,79%
4.390.007
1,77%
PE
12.502.209
4,57%
11.215.575
4,47%
10.896.275
4,40%
PI
4.095.029
1,50%
3.769.990
1,50%
3.644.106
1,47%
PR
15.056.098
5,50%
13.878.573
5,53%
13.801.347
5,58%
RJ
24.494.984
8,95%
22.743.135
9,06%
22.355.956
9,03%
RN
4.486.144
1,64%
3.993.631
1,59%
3.869.276
1,56%
RO
2.340.591
0,85%
2.075.622
0,83%
2.043.743
0,83%
RR
510.239
0,19%
483.737
0,19%
482.048
0,19%
RS
15.872.652
5,80%
14.592.903
5,81%
14.492.944
5,86%
SC
8.897.448
3,25%
8.269.128
3,29%
8.196.696
3,31%
SE
2.572.071
0,94%
2.256.122
0,90%
2.227.746
0,90%
SP
67.364.022
24,60%
63.159.777
25,16%
62.512.382
25,26%
TO
1.983.758
0,72%
1.833.874
0,73%
1.805.906
0,73%
Brasil
273.816.151

251.028.412

247.461.510


Fonte: ANATEL