Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Em Orós, Adolescente acusado de matar policial é morto em confronto e comparsa é ferido


http://blogs.diariodonordeste.com.br/centrosul/wp-content/uploads/2016/12/Mortes-em-Guassus%C3%AA.jpeg
Polícias que participaram da ação e jovem morto em Guassussê, Orós. Foto: VC Repórter

Resultou na morte de um suspeito e outro gravemente ferido a busca implacável da Polícia Militar do Ceará dos acusados da morte do policial do Ronda do Quarteirão, Djackson Araújo de Viveiros, 32, na última sexta-feira (16), na cidade de Juazeiro do Norte, durante um assalto a uma topique no bairro Lagoa Seca. O policial foi assassinado com três tiros na cabeça.

A ação policial ocorreu no distrito de Guassussê, zona rural de Orós, na manhã desta quarta-feira, 21. De acordo com o comandante da 5ª Cia do 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM), de Crato, major Lucivando Rodrigues, o adolescente morto, de 17 anos, foi encontrado em uma residência no distrito de Guassussê, reagiu à abordagem policial, disparando tiros e também sendo atingido. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Já Eduardo Nascimento da Silva, 20, conhecido por “Galego“, estava no distrito de Palestina, cerca 9 km de distância de onde se encontra o comparsa. De acordo com o major Rodrigues, o suspeito adulto também reagiu e foi baleado, sendo levado em estado grave ao Hospital Municipal de Icó, que não realizava cirurgia para a retirada da bala e teve de ser transferido para o Hospital Regional de Juazeiro do Norte.

Com a dupla, foram apreendidos duas armas, sendo uma pistola Ponto 45 de uso restrito da Polícia e uma pistola calibre 380. Segundo o comandante da 5ª Cia do 2º BPM, a dupla realizava assaltos com frequência na região do Cariri e “Galego” estaria em Orós, onde o adolescente residia, com o objetivo de se esconder das forças policiais.

Equipes da 5ª Cia do 2º BPM, do Comando Tático Rural (Cotar) e da Polícia Civil de Juazeiro do Norte e de Orós participaram da operação conjunta, que já havia se instalado há alguns dias na cidade de Orós, sabendo que a dupla suspeita havia fugido para a cidade após cometer o crime.

Terceiro suspeito foi preso em Cedro

Um terceiro suspeito de envolvimento no assassinato do soldado Djackson foi preso no último domingo (18), em Cedro. Carlos David Freitas da Costa, 23, foi capturado após assaltar a casa de uma mulher, com dois comparsas, e portava uma pistola calibre 380, que será periciada para saber se foi a arma utilizada contra o PM. Ele já tinha passagens na Polícia por homicídio, roubo e tráfico de drogas.

Outras mortes

Após a morte do PM já houve várias mortes de acusados de prática de assalto, em Juazeiro do Norte, com característica de execução.



Fonte Diário do Nordeste

Deputados aprovam extinção do Tribunal de Contas dos Municípios

Dos 46 parlamentares da Assembleia Legislativa, 44 participaram da votação ( Foto: José Leomar )
 
Os deputados estaduais da Assembleia Legislativa do Ceará aprovaram em dois turnos, em sessão extraordinária na tarde desta quarta-feira (21), a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 02/2016, que prevê a extinção do Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará (TCM-CE). As atribuições da Corte de Contas serão transferidas, após período de transição, para o Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE).

Após a aprovação em primeiro turno, a votação em segundo turno deveria ocorrer no mínimo após 48 horas, assim como prevê o Regimento Interno para matérias que tramitam em regime de urgência, mas a maioria dos parlamentares decidiu antecipar o trâmite e garantiu a aprovação por 31 votos a favor contra 9 pela rejeição da PEC, e uma abstenção. 

No Plenário 13 de Maio, após pronunciamentos inflamados com trocas de farpas entre parlamentares, o placar final da votação da matéria – em primeiro turno - ficou em 31 votos favoráveis e 12 contrários à proposta. Carlos Matos (PSDB) foi a única abstenção. Dos 46 parlamentares da Assembleia Legislativa, 44 votaram, com exceção do presidente da Casa, Zezinho Albuquerque (PDT), e da deputada Bethrose (PMB), ausente por licença médica.

Antes da votação, quatro deputados fizeram discursos para defender ou criticar a extinção do Tribunal. Heitor Férrer (PSB), autor da proposta, e Leonardo Pinheiro (PP), vice-líder do Governo na Casa, discursaram a favor; enquanto Roberto Mesquita (PSD) e Odilon Aguiar (PSD) expuseram argumentos contra a aprovação da PEC. Heitor Férrer, em seu pronunciamento, criticou os critérios adotados para a composição das Cortes de Contas. Ele elogiou o trabalho dos técnicos dos Tribunais, mas sustentou que a conduta de conselheiros do TCM e também do TCE tem influência política em determinadas ações. “Ajoelham prefeitos adversários e passam a mão em gestores amigos”, afirmou.


Leia a matéria completa AQUI