Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Pai mata o seu filho torcendo seus testículos, alegando que chorava muito


post-feature-image

Kane Kennedy, de 20 anos, foi indiciado pelo #Crime doloso quanto à intenção de matar, sendo o principal suspeito de ter assassinado de forma cruel e assustadora o seu filho, de apenas sete meses, enquanto estava sobre o efeito de entorpecente. O jovem inglês negou as acusações, mas o tribunal o considerou agora culpado da morte do bebê.

O assassinato aconteceu na noite de 30 de setembro para 1 de outubro de 2015. De acordo com informações repassadas pelas autoridades, o acusado estava incomodado com o choro do filho e então foi até à criança e torceu os seus testículos. Em seguida, colocou a sua mão na boca do bebê, até que ele parasse de chorar. Kane Kennedy ainda chamou uma equipe de resgate para atender o seu filho, relatando que o mesmo estava inconsciente e que não sabia o que fazer.

Quando os paramédicos chegaram ao local informado, a criança recebeu os primeiros atendimentos. Como o caso do menino era muito grave, ele foi levado às pressas para o hospital mais próximo. Quando o garotinho chegou no hospital, os médicos fizeram de tudo para salvá-lo, mas devido à gravidade dos ferimentos sofridos, ele não resistiu aos ferimentos e acabou por falecer.

Os médicos constataram que o bebê apresentava múltiplas lesões não acidentais, sendo que cerca de treze hematomas foram encontrados no seu rosto e no pescoço. Além disso, os testículos do bebê estavam deformados. Conforme consta do depoimento do acusado, Kane disse que foi a mãe do seu filho, identificada como Tia Jobey, de 19 anos, que provocou a morte da criança, mas o júri responsável pelo caso não acreditou na versão dada.

De acordo com o depoimento dado às autoridades pela mãe do bebê, o seu ex-companheiro ficava muito “estressado”, sem saber o que fazer, quando não fumava maconha, e ele ficava agressivo com tudo. Então, ele aparentava estar “paranóico com relação a tudo”. Tia Jobey chegou a admitir ter causado ou ter permitido a morte do bebê e foi condenada a 30 meses de prisão, nesta terça-feira (07).

Agora que o tribunal concluiu que Kane Kennedy foi o responsável pela morte do filho, todos aguardam a sentença final, que será conhecida no dia 15 de dezembro, na cidade de Morecambe, na Inglaterra.


Reprodução Site  www.MassapeCeara.Com  | por NOTÍCIASF5

POLICIAL REAGE A ASSALTO E MATA BANDIDO EM BACABAL - MA



Policial Militar JUSSYAN SILVEIRA NORONHA lotado em Bacabal reagiu a um assalto na Cidade de Nova Teresina, sendo alvejado no coxa direita e na mão esquerda, o mesmo se encontra medicado e  passa bem.

O PM estar bem e consciente. um dos assaltantes veio a óbito no local e o outro saiu correndo também alvejado. 

A arma do assaltante foi deixada no local e apreendida pela VTR do 1 BPM. sem mais informações.//////freelance24horas.