Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

sábado, 3 de dezembro de 2016

Dores de cabeça após beber vinho tinto? Estudo descobre nova solução


Esta é a notícia perfeita para todos aqueles que vão aproveitar esta sábado para um jantar sem preocupações e que não hesitaram em pedir a carta de vinhos para animar a noite. Para quem não teve essa oportunidade, guarde as dicas para uma oportunidade futura.
  
Imagine que você abusou na quantidade de vinho ingerida e que amanhã acorda com uma forte dor de cabeça. Já se questionou por que isso acontece?

Segundo a Time, existe uma substância no vinho – a tiramina – que causa essas pontadas na cabeça devido à influência que esta tem na pressão arterial. O vinho, especialmente o tinto, contém ainda histamínicos, que algumas pessoas não conseguem metabolizar.

Para evitar que isso aconteça, tomar um anti-histamínico antes de começar a beber pode ser uma solução.

A investigação conclui ainda, que os taninos da bebida podem aumentar a produção de serotonina química no cérebro, e as mudanças podem provocar dores de cabeça. Para quem sofre regularmente de enxaquecas seria, por isso, melhor trocar o vinho tinto pelo branco, uma vez que este tipo de químicos são removidos durante a produção do vinho branco.
 
 
 
 
Fonte Noticias ao Minuto

Neymar fica de fora dos finalistas do prêmio de melhor jogador da Fifa


Terceiro melhor jogador do mundo do ano passado, o atacante brasileiro Neymar está fora da lista tríplice de finalistas do prêmio "The Best", o primeiro concedido pela Fifa após a separação da "Bola de Ouro", da revista "France Football". As informações são da Agência ANSA.

Além dos habituais Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, o trio de melhores do mundo em 2016 contará com o francês Antoine Griezmann, principal nome do Atlético de Madrid na temporada. Pelo lado feminino, a brasileira Marta voltou a figurar entre as finalistas, ao lado da norte-americana Carli Lloyd e da alemã Melanie Behringer.
Na disputa pelo título de melhor treinador de futebol masculino, o italiano Claudio Ranieri, comandante da façanha do Leicester no Campeonato Inglês, concorrerá com Zinédine Zidane, do Real Madrid, e Fernando Santos, campeão da Eurocopa com Portugal.
No futebol feminino, estão na briga  as técnicas Jill Ellis (EUA), Silvia Neid (Alemanha) e Pia Sundhage (Suécia). Outro brasileiro com chances de troféu é o corintiano Marlone, finalista do Prêmio Puskás de gol mais bonito do ano, assim como Daniuska Rodríguez, da seleção venezuelana sub-17, e Mohd Faiz Subri, do Penang, da Malásia.
A cerimônia de premiação será no próximo dia 9 de janeiro, em Zurique, na Suíça. 
Fonte: Agência Brasil 

Justiça suspende pagamento 'vultuoso' de R$ 18 milhões a advogados com verba do Fundef em Juazeiro

Resultado de imagem para Justiça de Juazeiro do norte

O juiz de Direito da Comarca de Juazeiro do Norte, Renato Esmeraldo Paes, suspendeu, em caráter liminar, no dia 30 de novembro, o pagamento superior a R$ 18 milhões ao escritório de advocacia Ferraz & Oliveira Advogados Associados em honorários contratuais pela Prefeitura.

A União foi condenada a pagar R$ 121 milhões a Juazeiro do Norte a título de complementação de verba do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorizaçõ do Magistério (Fundef). Da verba destina à educação, mais de R$ 18 milhões seriam repassados ao Ferraz & Oliveira e Henrique Carvalho Advogados, Lima, Marinho, Pontes e Vasconcellos Advogados e Queiroz Cavalcanti Advocacia.
Ilegalidades
Em ação proposta pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), o pedido de nulidade do contrato entre a prefeitura e o escritório é baseado em uma séria de ilegalidades constatadas durante investigação. Dentre elas, os promotores destacam que, apesar do contrato mencionar que decorria de inexigibilidade de licitação, na verdade tratou-se de contratação direta, ilegal e clandestina, sem o conhecimento do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Além disso, restou constatada a previsão de pagamento vultosos de honorários advocatícios.
Ainda foi verificada a ausência de cláusulas essenciais no contrato administrativo, tais como o valor determinado do contrato, prazo contratual, informação do crédito pelo qual correrá a despesa, direitos da Administração Pública, vinculação ao instrumento convocatório, conforme o artigo 55, da Lei nº 8.666/93, irregularidades na execução contratual em razão da subcontratação sem previsão contratual e prazo indeterminado de validade do contrato e o superfaturamento contratual.

Fonte: Assessoria de Imprensa do MPCE/// via/blogdowilsonfilho.