Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Mãe e filho se apaixonam e lutam na Justiça para manter relacionamento


"Nós demos as mãos e acabamos nos beijando. E o beijo levou a outras coisas". (Foto: Divulgação)

Apaixonados, Monicas Mares, de 36 anos, e seu filho Caleb Peterson, de 19, estão gerando revolta no Novo México, nos Estados Unidos. Isso porque o casal luta na Justiça para conseguir manter o relacionamento.

De acordo com as informações do Daily Mail, Monica deu à luz aos 16 anos e colocou seu filho para adoção. Muitos anos depois, no entanto, eles acabaram se reencontrando e foi amor à primeira vista.

"Nós demos as mãos e acabamos nos beijando. E o beijo levou a outras coisas", disse a mulher em entrevista ao tabloide britânico. "Parece que eu conheci alguém novo em minha vida e sinto que estou apaixonada por ele", acrescentou. Ela afirma, contudo, que nada teria acontecido se Caleb não tivesse sido adotado.

E o afeto entre eles é tão grande que o ex-marido de Monica, e pai de dois de seus nove filhos, Dayton Chavez, aprova o namoro. "Eu os apoio. Gostaria que o governo parasse de se meter na vida deles e deixasse eles viverem suas vidas normalmente", comentou.

Mãe e filho alegam que sofrem de uma condição rara chamada atração sexual genética, e que por isso a relação deveria ser considerada legal.

Acusados de incesto, Monica e Caleb podem ser condenados a um ano e meio de prisão e multados em US$ 5 mil (cerca de R$ 15,7 mil).


Fonte:redetv

Homicídio em Juazeiro do Norte


Um homicídio foi registrado por volta das 11h30min desta quarta-feira no bairro Pio XII em Juazeiro do Norte se constituindo no quinto do mês de agosto e 81º do ano no município. Luciano Antonio da Silva, de 32 anos, chegava em sua residência na Rua Belo Dourado quando foi atocaiado por dois homens numa moto de cor preta. O garupeiro sacou um revólver e efetuou vários disparos causando a morte de “Nino” – como era apelidado – no local.Ele já morou na Rua Antonio Ferreira Lima no bairro Aeroporto, mas, ultimamente, estava no Pio XII. Segundo a polícia, o mesmo respondia por crime de lesão corporal e, em agosto de 2012, uma patrulha foi até o Point do Jorge atender uma ocorrência de insolvência de despesa. “Nino” e uns colegas tinham proferido ainda ameaças contra o garçom e causado danos no estabelecimento. Ante a chegada dos PMs, ele resistiu à prisão e teria desacatado os policiais. Por coincidência, o Juizado da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Juazeiro do Norte tinha acatado na manhã de hoje um pedido de medida protetiva ali protocolado no último dia 4 de agosto com apelo de urgência supostamente pela ex-companheira de “Nino” que tinha sido ameaçada de morte. Quanto ao crime de hoje, policiais militares estiveram no local e até diligenciaram à procura dos acusados sem êxito. Além dos PMs uma equipe de inspetores da Polícia Civil. ↘site miséria Postado por Blog do Gesso - sua tv na internet à

AS INDIAS MAIS LINDAS DO BRASIL