Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Assaltante de carro é morto a tiros após reagir à abordagem policial


post-feature-image

Na tarde desta última terça-feira (30) um criminoso morreu durante uma troca de tiros com policiais do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (BEPI) na zona rural de Toritama (174 km de Recife). De acordo com a Polícia Militar, um veículo Ônix havia sido roubado há duas semanas e foi localizado pelos policiais trafegando próximo ao Sítio Oncinhas com dois indivíduos a bordo.

Segundo informações, ao tentar abordar o veículo os policiais foram recebidos a tiros onde iniciou um confronto. O marginal identificado como João Paulo Cordeiro dos Santos de 21 anos, conhecido popularmente como “Pinóquio” acabou sendo baleado na troca de tiros e não resistiu aos ferimentos vindo a morrer no local. Já seu comparsa saiu do veículo e fugiu pela mata tomando rumo até então ignorado.

O criminoso morto foi reconhecido pela vítima do assalto que teve seu veículo roubado. Seu corpo foi recolhido e encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) em Caruaru. O caso foi registrado pela delegacia de Polícia Civil que trabalha na tentativa de localizar o outro criminoso que conseguiu fugir.
 Plantão Policial via Jerry Mesquita

Máquina diagnostica dengue e zika em minutos com uma gota de sangue



A empresa BlueSense Diagnosis afirma ter criado uma máquina, chamada Blubox, que oferece em nove minutos o diagnóstico de zika e dengue com apenas uma gota de sangue. Além da agilidade, o custo do teste sairia em torno de U$ 20 dólares.

O material sanguíneo é misturado a nanopartículas magnéticas e colocado dentro do aparelho, que o centrifuga por nove minutos. Em seguida, o sangue passa por um scanner. Após o teste, tem-se o resultado para a presença ou não do vírus da zika e/ou da dengue.

Jessie Sun, vice-presidente da BlueSense, disse ao site de tecnologia Engadget que a companhia está negociando com a FDA, a "Anvisa" dos Estados Unidos, a fim de liberar testes de Zika aos americanos. A liberação pode acontecer, uma vez que o método para descoberta de dengue é semelhante e já está permitido nos EUA.

O sistema da BlueSense tem a vantagem de ser mais barato que outros testes privados convencionais. A primeira empresa a conseguir nos EUA aprovação da FDA cobra U$ 500 por um único diagnóstico. A máquina da BlueSense cobra U$ 20 pelo mesmo serviço.

Fonte: O povo