Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

segunda-feira, 3 de julho de 2017

MOTORISTA É ESPANCADO ATÉ A MORTE E TEM CARRO INCENDIADO APÓS ATROPELAR E MATAR TRÊS PESSOAS


Um homem foi morto após atropelar três pessoas no km 10 da BA-504, estrada que liga Alagoinhas a Araçás, próximo ao povoado de Onça, na região nordeste da Bahia. O fato ocorreu no início da noite deste sábado (01). Segundo informações da polícia, Márcio Lima Santos teria perdido o controle da Mitsubishi de placa JQU 7148, atropelado um idoso de aproximadamente 65 anos e mais dois rapazes identificados como Alexandre Batista Santos e Joanderson Damasceno Carmo, que estavam em uma moto Yamaha XTZ de placa NTG 3857, no acostamento. Todos morreram no local. Após atropelar as vítimas, o veículo colidiu com uma cerca, indo parar dentro de uma propriedade. De acordo com informações da polícia, populares revoltados partiram para cima do condutor e o espancaram até a morte, em seguida atearam fogo na caminhonete. Ainda de acordo com as informações, as vítimas do atropelamento residiam próximo ao local do acidente. Segundo a delegacia de Alagoinhas, onde o caso foi registrado, os populares informaram que o condutor estava em alta velocidade. Um exame será realizado para saber se o motorista estava sob efeito de álcool. Os corpos dos quatro mortos foram encaminhados para o Instituo Médico Legal (IML). Portal Formosa,

Recorde: número de inadimplentes no Brasil chega a 61 milhões


Uma nova pesquisa do Serasa Experian indicou que 61 milhões de brasileiros estão com nome sujo na praça.

De acordo com a entidade, trata-se de um novo recorde na série histórica, iniciada em 2012.
Entre abril e maio, mais 900 mil pessoas atrasaram o pagamento de contas e foram incluídas na lista de devedores.
Com o aumento do desemprego e a queda da renda das famílias, cada vez mais consumidores deixam de pegar dívidas como empréstimos pessoais, faturas do cartão de crédito e contas de luz e telefone.
Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o país tinha 13,8 milhões de desempregados no trimestre encerrado em maio.
Em maio, as dívidas em atraso alcançaram R$ 274,6 bilhões em maio, de acordo com os cálculos do Serasa, informou a Folha de S.Paulo.
No cheque especial, por exemplo, a inadimplência subiu de 15% para 15,5% em maio. No rotativo, foi de 34,4% para 38%, diz o BC.
Fonte: Notícias ao Minuto