Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Moro marca novo interrogatório de Lula para setembro




O juiz Sergio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato, agendou nesta quinta-feira (20), um novo interrogatório do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva: será no dia 13 de setembro. 

Dessa vez, porém, Moro perguntou à defesa de Lula se seria possível realizar o depoimento por videoconferência, direto da Justiça Federal de São Paulo.
Na primeira vez em que o ex-presidente foi interrogado por Moro, um grande esquema de segurança foi montado em torno da sede da Justiça Federal em Curitiba, com bloqueios de ruas e cadastramento de moradores, para evitar confrontos entre apoiadores e críticos do petista. 

Para o magistrado, foram "gastos necessários, mas indesejáveis de recursos públicos". No total, R$ 110 mil foram investidos na preparação do evento, que não registrou confrontos. 

A defesa terá cinco dias para se manifestar a respeito do pedido. 

O interrogatório é mais uma etapa do processo penal, quando o réu se manifesta acerca das acusações contra si. O petista vai ser ouvido como réu na ação que investiga se ele se beneficiou de R$ 12 milhões em vantagens indevidas pela empreiteira Odebrecht, na compra de um terreno que seria destinado ao Instituto Lula. 

O ex-presidente nega qualquer acerto ilícito e diz que o terreno jamais pertenceu ao instituto, mas foi apenas visitado durante a escolha de um imóvel para a instituição. 

Lula foi condenado na semana passada na primeira ação a que respondeu na Justiça Federal do Paraná, no caso do tríplex do Guarujá (SP). O depoimento na nova ação está marcado para as 14h.

Excesso de peso, gravidez e tipo sanguíneo “O” atraem mais mosquitos, revela estudo


Tipo sanguíneo, gravidez, sobrepeso e até o suor podem ser fatores decisivos na hora de ser picado por algum mosquito. É que estudos falam que algumas características podem atrair os insetos, que muitas vezes repassam doenças para os homens, como dengue, zika e chikungunya.

Sergio Vañó, dermatologista do hospital Ramón y Cajal e professor de Dermatologia na Universidade de Alcalá de Henares, em Madri, concedeu entrevista ao jornal El País. De acordo com ele, alguns mosquitos gostam de picar umas pessoas mais que do outras.

Sobre o grupo sanguíneo, o tipo “O” é o preferido do Aedes albopictus, mosquito que também transmite dengue, zika e chikungunya, como explica o farmacêutico Diego Hoyos.

Além disso, ele indica que os mosquitos são atraídos pelo dióxido de carbono, produzidos ao respirar. “Os níveis de CO2 aumentam nos adultos, grávidas e pessoas com excesso de peso”. Por isso, a gravidez e o excesso de peso podem ser determinantes na hora da atração.

Os mosquitos têm 27 receptores do odor e “o ácido lático que o suor contém ativa seus radares”, afirma Arantza Vega, doutora membro do comitê de Alergia a Himenópteros da Sociedade Espanhola de Alergologia e Imunologia Clínica.

“Essa substância, com o dióxido de carbono, é um indicador de que somos mamíferos e, portanto, podemos proporcionar sangue”. Produzem mais ácido lático as grávidas, as pessoas altas ou quem acaba de fazer exercício.

E resta a pergunta: como podemos reduzir nosso atrativo natural para os mosquitos? Levando em conta os três fatores anteriores, é necessário banhar-se antes de dormir e não fazer exercício nas horas próximas do sono. Mas, sobretudo, com um bom repelente.


Fonte Tribuna do Ceará