Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788

domingo, 13 de maio de 2018

Homens armados ateiam fogo em ônibus em Juazeiro do Norte; Polícia suspeita de retaliação

Juazeiro do Norte. Um ônibus da empresa Viametro, que fazia linha entre Barbalha e Juazeiro, foi incendiado na noite deste último sábado (12), na Avenida Leão Sampaio (CE-060), que liga os dois municípios. Ninguém se feriu. Segundo testemunhas, dois homens armados renderam motorista, cobrador e passageiros, obrigando todos a descer. Em seguida, jogaram gasolina e atearam fogo no veículo que ficou completamente destruído. Mais cedo, outro ônibus ficou parcialmente queimado na garagem de uma empresa, no bairro Franciscanos. Polícia suspeita de facções criminosas. A informação é do Diário do Nordeste.

O episódio aconteceu por volta de 21h30. A princípio, os passageiros pensaram ser um assalto, mas um dos homens armados mandou o motorista parar o veículo e anunciou que ateariam fogo. Com galões de gasolina, eles espalharam o líquido inflamável no ônibus e, em seguida, fugiram. Na rapidez da ação, o cobrador perdeu todos seus documentos, consumidos pelas chamas.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados. A rodovia ficou totalmente interditada nas proximidades do Posto Casarão. O fogo só foi totalmente apagado por volta das 23h30 minutos. A Polícia Rodoviária Estadual continua no local e uma das faixas foi liberada para o tráfego.

Suspeita

A Polícia suspeita que os incêndios dos dois ônibus partiram de ordens dos presidiários da Penitencia Industrial Regional do Cariri (Pirc). Na última sexta-feira (11), a 2ª Vara Criminal da Comarca de Juazeiro do Norte cancelou as visitas íntimas de familiares, o pernoite do Dia das Mães, que aconteceriam de sábado até domingo, declarando inconstitucional e ilegal. A medida é autorizada pela Portaria 01/2018 da Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus).

A decisão partiu do juiz de execuções penais, Péricles Victor Galvão de Oliveira, com base na Lei 7.210/84. Hoje, a Pirc possui 709 presos, mas sua capacidade é para 549 internos. Por isso, o magistrado acredita que o equipamento não tenha agentes penitenciários suficientes para garantir a segurança nestes dois dias já que, com as visitas, o número de pessoas no local poderia dobrar.

Os internos da Pirc foram pegos de surpresa, assim como seus familiares, que fariam a visita na manhã de sábado (12). Muitos vieram de outras cidades e reclamaram que não foram avisados. Por isso, temendo alguma represália, a Polícia Militar organizou uma operação na região do Cariri e, desde cedo, muitas viaturas tem circulado nos municípios, principalmente, em Juazeiro do Norte. “A gente fez a operação já alguma retaliação, esperando algo ainda pior”, explica o comandante do 2º Batalhão da PM, Major Luciano Rodrigues.

Simaria será reavaliada por médicos antes de voltar aos palcos

Simaria, diagnosticada com tuberculose ganglionar, passará por reavaliação médica em maio antes de voltar aos palcos ao lado da irmã Simone.

A informação foi confirmada pela assessoria da dupla ao R7, que informou ainda que a cantora “está bem” e segue realizando o tratamento.

Após ficar seis dias internada no Hospital Sírio Libanês, na segunda quinzena de abril, Simaria se afastou dos shows para se tratar contra a doença, uma infecção que atinge os gânglios. Com informações do R7.