Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

POLICIA CAPTURA ASSASSINO HORAS APÓS PROFESSORA SER ENCONTRADA MORTA EM QUIXADÁ


Quixadá

Agilidade e competência marcaram a elucidação do crime desta manhã em Quixadá. Após ser encontrado o corpo da professora Socorro Gomes Ferreira, 48 anos, a equipe de investigação da Delegacia Regional da Policia Civil agiu rápido e no final da tarde o crime estava elucidado e o suspeito pelo crime preso.

Foram apenas horas necessárias para que os policiais civis conseguissem chegar ao autor do bárbaro crime que abalou a cidade, um ex-presidiário foi identificado através de imagens da Avenida Jesus, Maria e José e reconhecido por testemunhas que o viram no horário em que a professora caminhava pela avenida.

Ernandes Benjamim de Paiva, vulgo “Guelé”, 24 anos. após intenso trabalho dos policiais civis que desvendaram o crime e em seguida com o apoio da Policia Militar conseguiram prender Guilé. A Delegada Regional Ana Claudia Nery afirmou que o suspeito já foi identificado por testemunhas além de apresentar pelo corpo inclusive no rosto marcas de luta corporal.

Agora a pericia vai poder identificar cientificamente o autor do crime, ainda de acordo com a Delegada a intenção de “Guilé” seria estuprar a vitima. Ana Claudia afirma que somente após o laudo pericial poderá confirma se realmente a professora sofreu violência sexual.




Fonte Sertão Alerta

Marisa Letícia tem piora e está em estado gravíssimo


A ex-primeira-dama Marisa Letícia, 66, teve uma piora drástica do quadro de saúde nas últimas duas horas.

Segundo uma das pessoas mais próximas da família de Lula, houve aumento da pressão cerebral de Marisa e também do edema cerebral que ela tem em decorrência do derrame hemorrágico que sofreu há uma semana.

A equipe que trata da ex-primeira-dama chegou a se animar no começo da tarde com alguns sinais de melhora, mas a situação se deteriorou.

A ex-primeira dama está internada no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o dia 24, quando sofreu o AVC. Na segunda (30), exame detectou a ocorrência de "de trombose venosa profunda dos membros inferiores", caracterizada por um quadro de edemas e dor nas pernas, coxas e região pélvica. Médicos afirmaram que essa é uma intercorrência inerente ao tratamento.




Fonte Diário do Nordeste

Após 'pente-fino', governo zera fila de espera do Bolsa Família


Com a inclusão de 460 mil pessoas no Bolsa Família em janeiro, o governo federal conseguiu zerar a fila do programa. O grupo, que já era inscrito no Cadastro Único, faz parte da população pobre e extremamente pobre que aguardava para receber o benefício do governo.

“Nós conseguimos fazer um controle maior, cruzando um maior número de dados, tirando uma parcela das pessoas que não precisavam e estavam no programa para colocar as que precisavam e que não estavam no programa. É uma questão de justiça social”, destacou o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra.

Em meados de 2016, a pasta passou a contar com seis bases de dados do governo federal para cruzamento de informações, o que permitiu a realização do maior pente-fino já promovido em toda a história do Bolsa Família. A ação resultou em 469 mil benefícios cancelados e 654 mil bloqueados. Em todos os casos, foi constatado que a renda das famílias era superior à informada ao Cadastro Único para programas sociais.

O MDSA pretende fazer análises mensais nos cadastros para reduzir o tempo médio de análise das rendas declaradas pelas famílias. As melhorias na gestão do programa também permitiram a identificação e cancelamento do benefício de 1.600 vereadores, prefeitos e vice-prefeitos eleitos em 2016.

“Quando não se tem controle, se pune os que mais precisam, os mais pobres. Os que não são pobres, muitas vezes, estão recebendo um benefício que seria para quem realmente precisa. Por isso, é tão importante ampliar os mecanismos de controle do Bolsa Família”, ponderou Osmar Terra.

Programa

O Bolsa Família é voltado para famílias extremamente pobres (renda per capita mensal de até R$ 85) e pobres (renda per capita mensal entre R$ 85 e R$ 170). O programa tem hoje cerca de 13,5 milhões de famílias beneficiadas, às quais são destinados cerca de R$ 2,4 bilhões por mês.

O valor repassado a cada usuário varia conforme o número de membros da família, idade e renda declarada no Cadastro Único. Ao entrarem no programa, os beneficiários recebem o dinheiro mensalmente e, como contrapartida, cumprem compromissos nas áreas de saúde e educação. 



Com informações do Portal Brasil.