Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

domingo, 16 de abril de 2017

Policial do Raio morre e outro é baleado durante tiroteio em Russas (CE)


O soldado era natural de Limoeiro do Norte e lotado no BP Raio de Russas.
O soldado do Batalhão de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) de Russas Menandro Cavalcante Nunes, 33, morreu após um tiroteio durante uma festa, na madrugada deste domingo (16), no distrito de Capim Grosso, a 165km de Fortaleza. Outro policial foi atingido na cabeça, mas não corre risco de morte, de acordo com o serviço social do Hospital e Casa de Saúde de Russas.

Segundo informações da Polícia Militar do Ceará (PM-CE), os agentes de segurança estavam em uma festa quando cinco suspeitos aproximaram-se e iniciaram os disparos. Um deles atingiu o soldado Nunes na altura do peito, levando o policial a óbito. Outro PM foi atingido com um tiro de raspão na cabeça e conduzido ao hospital local, onde se encontra em estado estável.

Durante a ação, dois suspeitos morreram e outro ficou ferido. Ainda segundo a PM, duas pessoas que estavam na mesma festa foram atingidas pelos disparos. Conforme o Hospital de Russas, um jovem que estava no local deu entrada na emergência e seria transferido a Fortaleza, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A motivação do crime segue em investigação pela Polícia Civil.

Buscas

Em nota, a PM-CE declarou que equipes das forças de Segurança Pública do Ceará estão no local realizando diligências em busca dos demais suspeitos, e que "não descansará enquanto os autores fugitivos não forem capturados."

O soldado Menandro Nunes era natural de Limoeiro do Norte, a 198km de Fortaleza, e lotado no 2º Pelotão do BPRaio em Russas. O corpo do policial será velado e sepultado na cidade natal.



Fonte Diário do Nordeste

Aposentada morre carbonizada após incêndio em Milagres (CE)


incêndio Milagres
As chamas começaram por conta de uma vela, aponta informações preliminares da Perícia ( Reprodução )

Um incêndio doméstico assustou moradores da cidade de Milagres, a 475 km da Capital, na madrugada deste domingo (16). O incidente resultou na morte de Luzia Miguel da Silva, de 93 anos, que morava só no número 31 da rua Antônio Barbara do Nascimento, localizada no Bairro Francisco do Socorro. Populares e policiais militares tentaram apagar as chamas, porém, a aposentada foi encontrada carbonizada em um dos quartos da casa. As investigações preliminares apontam que a causa do fogo teria sido uma vela que foi acesa pela vítima na noite anterior.

Ação

Segundo informações do policial militar Almeida, lotado na Delegacia da 21ª Região, por volta das 5 horas da manhã, uma patrulha foi acionada para um caso de incêndio na região. Ao chegar no endereço, os policiais constataram o ocorrido e tentaram ao lado de vizinhos conter as chamas para que não se alastrassem por toda casa. O Corpo de Bombeiros, Pericia e Rabecão também foram chamados ao local e tomaram as medidas cabíveis. Luzia Miguel já foi encontrada sem vida.

Após a chegada da Pericia, foi encontrado entre os destroços uma bolsa com partes queimadas, onde em seu interior continha o valor de R$ 3.100, em cédulas de R$ 100. Parte do dinheiro estava queimada e a quantia foi recolhida e entregue ao comandante da patrulha responsável pelo caso. As cédulas serão apresentadas segunda-feira (17), à Policia Civil de Plantão, em Milagres.

Segundo caso

Este é o segundo caso de incêndio em Milagres em menos de uma semana. O outro aconteceu na tarde da última terça-feira (11), na Rua José de Alencar, Bairro Cohab. Relatos de populares apontam que a possibilidade de problemas elétricos na residência teria sido a causa principal. Nesse caso, houve apenas danos materiais.



Fonte Diário do Nordeste