Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

sábado, 22 de abril de 2017

Acusado de homicídio no Pernambuco foi assassinado em Brejo Santo no Cariri


O crime aconteceu perto da lombada eletrônica nas imediações da Escola CERU no Sítio Lagoa do Mato e Nelson morreu no local. (Foto: Agência Miséria)


Mais uma vítima de homicídio no Sítio Lagoa do Mato na zona rural de Brejo Santo num curto intervalo de uma semana. Por volta das 17 horas desta sexta-feira o agricultor Cícero Francisco da Silva, de 35 anos, que era apelidado por “Nelson” e morava naquela localidade, foi morto com cinco tiros de revólver. Ele caminhava pela CE-397 rodovia estadual que liga os municípios de Brejo Santo e Porteiras quando foi atocaiado por dois homens numa motocicleta.

O crime aconteceu perto da lombada eletrônica nas imediações da Escola CERU no Sítio Lagoa do Mato e Nelson morreu no local. Alguns disparos foram efetuados à queima roupa e devem ter sido os últimos quando a vítima já se encontrava caída no solo. Ele era natural de São José do Belmonte (PE) e residiu no Sítio Lagoa da Extrema naquele município onde, no dia 23 de agosto de 2008, matou Edivaldo Tomé de Barros e, provavelmente, estava refugiado no Cariri.

Este foi o segundo homicídio do mês de abril em Brejo Santo e o terceiro do ano no município. O último tinha ocorrido no mesmo Sítio Lagoa do Mato na manhã de sábado, dia 15, tendo como vítima o sindicalista Luís César Santiago da Silva, de 39 anos, que foi morto a tiros. O crime aconteceu na chamada Estrada do Trevo e "Cabeça do Sindicato" integrava o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção de Estradas, Pavimentação e Obras de Terraplanagem (Sintepav-CE).
Por Demontier Tenório///miseria.com.br.

Dois veículos são incendiados no pátio do 19º Distrito Policial em Fortaleza


Os investigadores verificaram as câmeras de segurança da delegacia na tentativa de identificar os autores do crime. (Foto: Naval Sarmento)


Dois veículos foram incendiados na madrugada deste sábado (22), no pátio do 19º Distrito Policial (DP), no Conjunto Esperança, em Fortaleza. De acordo com a Polícia, a ataque aconteceu por volta das 2h. Dois homens em uma moto atiraram coquetel molotov nos veículos apreendidos. Os carros — um Honda Civic e um Fiat Palio Fire — ficaram destruídos, mas ninguém ficou ferido.

Na madrugada, uma equipe do Corpo de Bombeiros foi ao local para controlar as chamas.Os investigadores verificaram as câmeras de segurança da delegacia na tentativa de identificar os autores do crime. No entanto, ainda não houve identificação e ninguém foi preso.

Entre quarta-feira (19) e sábado (22), 31 veículos foram queimados na Regiao Metropolitana de Fortaleza e Interior, duas agência bancárias e duas delegacias também foram alvo de ataques. Um motorista, um cobrador e três suspeitos ficaram feridos. Algumas linhas de ônibus tiveram pequenas alterações de rota e saíram escoltadas em comboios da Polícia. Segundo o Sindiônibus, a frota já opera em regime normal.

O tumulto no Sistema Penitenciário que terminou com a situação de caos em Fortaleza começou depois que um setor de uma penitenciária, em que tinha maior concentração de detentos aliados à facção Guardiões do Estado (GDE) foi "corrigido" e algumas regalias foram cortadas, conforme uma fonte da Inteligência. Segundo o policial, os ataques têm uma única facção responsável e as outras organizações não estariam apoiando.
Fonte: Diário do Nordeste