Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

domingo, 14 de agosto de 2016

DICA DE SAÚDE: Confira 8 coisas que você precisa saber sobre o câncer

O Brasil deve contar com quase 600 mil novos casos de câncer.
O câncer é uma das doenças que deixam a população bastante assustada. Por não ter cura, cada vez mais, é possível ver pessoas morrendo com esse problema.

Você sabia que existem mais de 100 tipos de câncer? É por isso, segundo os cientistas, que é tão difícil apostar em uma cura milagrosa e definitiva para a doença.

Pensando nisso, listamos algumas verdades que você precisa caber sobre o câncer. Confira:


1. Epidemia global

Essa, com certeza, é outras das verdades sobre o câncer que todo mundo gostaria que fosse mentira, mas não é. Conforme os cientistas, isso está acontecendo cada vez com mais intensidade porque estamos vivendo mais e estamos vencendo outras doenças que nos matavam antes, como as cardiovasculares.

2. Tratamento caro

No Brasil, os gastos com medicamentos cresceram 51%, somente em 2013, e ultrapassaram o total de 2,6 bilhões de reais. Atualmente, a expectativa é de que para desenvolver um único medicamento contra a doença sejam gastas cerca de 1 bilhão de dólares.

3. Mais pessoas vão ter câncer

No ano de 2016, o Brasil deve contar com quase 600 mil novos casos de câncer, conforme o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA). Mas, isso não é nada com relação ao número de novos casos pelo mundo até 2030. Conforme o relatório da Agência Internacional para a Pesquisa do Câncer, serão 22 milhões.

4. Não se sabe se haverá cura algum dia

Embora há quem diga que a chamada pílula contra o câncer já esteja por aí, só precisando de autorização para ser vendida, a verdade é que a Ciência não sabe se um dia haverá uma fórmula capaz de combater o câncer.

5. O mais letal

O câncer de pulmão, segundo pesquisas, é o mais letal entre os cânceres e, infelizmente, é o que mais cresce em número de novos casos. Em 2012, por exemplo, 1,6 milhão de pessoas morreu ao redor do mundo devido à doença.

6. Azar

Estudos comprovam que dois terços das pessoas que desenvolvem câncer é por puro azar. Isso porque, conforme comprovaram os cientistas da Universidade Johns Hopkins, a maioria desses casos considerado de puro azar não têm qualquer relação com fatores externos, como cigarro ou radiação solar.

7. Câncer no DNA

Conforme o National Cancer Institute, dos Estados Unidos, a estimativa é de que até 65% das mulheres que herdam mutações no gene conhecido como BRCA1 acabam desenvolvendo câncer de mama e 39%, câncer de ovário. Mas os problemas não param por aí: 45% podem desenvolver neoplastia mamária e até 17%, tumores ovarianos.

Fonte: Segredos do Mundo

sábado, 13 de agosto de 2016

Médico reage a assalto e manda ladrão consultar com o capeta


Ladrão entra em clínica para praticar um assalto mas não esperava que a vítima, um médico, estava armada e pronta para defender seus bens! Padrão!  ////
youtube.com

Homem mata a esposa, arranca a cabeça, por descobrir que ela fazia programa nas horas vagas

post-feature-image

Um homem de 69 anos foi condenado por degolar a esposa e jogar a cabeça dela no vaso sanitário.

Dempsey Nibbs foi informado pelo Juiz Sênior do Tribunal de Old Bailey em Londres, Inglaterra, que ele passaria pelo menos 21 anos na prisão.

O juiz do Tribunal de Justiça de Londres, Nicholas Hilliard, descreveu o crime como um ato de

 “selvageria grotesca”,

 dizendo a Nibbs: “Eu tenho certeza que você não lamenta a morte de sua esposa, mas apenas o efeito disso em seu conforto e bem estar.”

Aparentemente, Nibbs estava furioso com sua esposa Judith, de 40 anos, que trabalhava em Meals On Wheels. Segundo ele, a mulher o provocava constantemente depois que o relacionamento começou a ter problemas, dizendo que saía com outros homens.

Nibbs, que sofria de câncer de próstata, declarou ao tribunal que não tinha a intenção de matar a esposa, ele queria apenas “dar uns tapas nela.”

Mas o júri não acreditou em sua história e ele foi declarado culpado.

O advogado de Nibbs, Ian Henderson, disse ele está consciente de que pode morrer na prisão, devido à sua saúde precária.

Primeiro Nibbs golpeou a mãe de seus dois filhos com uma barra de ferro, deixando-a inconsciente.

Então ele cortou a cabeça da mulher, despedaçou-a com uma marreta, jogou os pedaços no vaso sanitário e deu descarga.

Logo depois o operador de guindaste escreveu um bilhete suicida para seu filho Kirk de 30 anos e ligou para o nº 999 dizendo que a polícia encontraria dois cadáveres na residência.

Um policial derrubou a porta quando viu o corpo sem cabeça da Sra. Nibbs, pela abertura da caixa de correio na porta.

Ele encontrou Nibbs no banheiro empunhando um revólver e uma faca, tentando apunhalar-se.

Aparentemente, a Sra. Nibbs sabia que sua vida estava em perigo, pois ela disse à irmã e a uma colega de trabalho, que seu marido a havia agarrado pelo pescoço e ameaçado matá-la.

Três dias antes do crime, o casal discutiu por causa das suspeitas de traição, e durante a briga a Sra. Nibbs confessou que tinha feito sexo “oito vezes”.

No dia seguinte, ela saiu do trabalho com estas palavras:

“Se eu não vier na sexta-feira, pode ser que eu esteja morta.”

Em uma declaração, Frances, a irmã da Sra. Nibbs, descreveu-a como uma pessoa “muito amável e solidária” e declarou que estava “chocada e arrasada” com o assassinato.

“Quaisquer que fossem os problemas em seu relacionamento, Judith não merecia morrer de uma maneira tão cruel e brutal.”



 MassapeCeara.Com