Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788

segunda-feira, 25 de junho de 2018

Incêndio destrói casa em Juazeiro do Norte

Um incêndio destruiu três cômodos de uma casa e parte do telhado, em Juazeiro do Norte, neste último domingo (24). De acordo com o Corpo de Bombeiros, a principal suspeita é de que o fogo tenha sido causado por uma vela deixada acesa em um santuário. A família não estava na residência no momento do incêndio.

Segundo os Bombeiros, um homem que passava pelo local viu a fumaça e foi até o quartel avisar a guarnição. O santuário onde estava a vela ficava na sala da casa, próximo ao sofá. A sala, dois quartos e o telhado foram destruídos.

As chamas consumiram objetos e pertences como cama, televisão, a fiação elétrica e a tubulação, conforme os Bombeiros. Uma perícia deve ser realizada no local nesta segunda-feira (25).

Ratos entram em caixa eletrônico e roem mais de R$ 70 mil


Na cidade de Tinsukia, na Índia, um caixa eletrônico amanheceu violado – mas os “assaltantes” não foram humanos e, sim, ratos. Os roedores entraram por um buraco que havia na parte traseira do caixa eletrônico de uma agência do State Bank of India e roeram centenas de notas, totalizando uma perda de US$ 19 mil (cerca de R$ 71 mil).
Quando técnicos chegaram no dia 11 de junho para consertar um caixa eletrônico, encontraram um rato morto dentro e notas da moeda indiana que somavam cerca de 1,3 milhões de rúpias, totalmente roídas.
De acordo com o superintendente da polícia Mugdha Jyoti Mahanta, as notas eram de 500 e 2 mil rúpias. O caixa eletrônico estava com o buraco desde o dia 20 de maio, de acordo com autoridades. “Nós ficamos surpresos com o que aconteceu. Uma investigação foi iniciada”, disse o agente Bimal Debroy.
* Com informações da Associated Press


*** Informações com Agência O Estado - Imagem adaptado para o AI