Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quarta-feira, 15 de março de 2017

Policiais federais paralisam atividades contra a Reforma da Previdência


Agentes, escrivães e papiloscopistas federais de Juazeiro do Norte paralisaram as atividades nesta quarta-feira (Foto: Reprodução)


Nesta quarta-feira os agentes, escrivães e papiloscopistas Federais lotados na Delegacia de Polícia Federal em Juazeiro do Norte paralisaram as atividades contra a reforma da previdência encaminhada ao Congresso Nacional pelo Governo Temer.

Com essa reforma os policiais federais perdem a aposentadoria especial levando, de fato, suas aposentadorias para depois dos 70 anos de idade (49 anos de contribuição), além de outros direitos retirados.                       
 

Os Policiais Federais fizeram um ato público em frente ao Prédio da Delegacia de Polícia Federal em Juazeiro do Norte. O Agente Cláudio Luz concedeu entrevista ao Jornal da 100 e afirmou que se aprovada a reforma da previdência causará um “enorme prejuízo para a população”. Cláudio falou ainda que por ser uma atividade de risco não há como um policial atuar com 70 anos de idade.

Com a paralisação 54 municípios do Ceará, que são atendidos pela circunscrição da Delegacia de Polícia Civil de Juazeiro do Norte, ficaram sem atendimento.

Por João Boaventura Neto///miseria.com.br