Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

sexta-feira, 24 de março de 2017

Duas mulheres são assasinadas no Cariri em 48 horas. No ano, já são 33 casos no Ceará


Matou a mulher 2
Geovane dos Santos: preso após matar a esposa, em Barbalha FOTO: site miséria.com
Em menos de 48 horas, duas mulheres foram brutalmente assassinadas na Região do Cariri (Sul do estado). Com os dois recentes registros, subiu para 33 o número de mulheres mortas, neste ano, no  Ceará em menos de três meses.
O primeiro crime ocorreu no Município de Jati (a 539Km de Fortaleza), quando uma dona de casa foi assassinada friamente com tiros na cabeça na presença da filha. As duas foram obrigadas a ficar de joelhos pelos assassinos.
O fato aconteceu na noite de segunda-feira passada (20), na localidade Fazenda Baixa Grande, na zona rural de Jati. Segundo a Polícia, o crime foi praticado por dois homens, prováveis pistoleiros, que chegaram no local perguntando pelo dono da propriedade rural. Como não o encontraram, decidiram matar a mulher dele e tornar a filha testemunha da execução sumária da própria mãe.
Antes de atirar na cabeça de Marlene Maria da Silva, 52 anos, os criminosos obrigaram a mulher e a filha a rezar uma oração. Depois do crime, desapareceram sem deixar pistas.
Outro caso
Já na manhã desta quarta-feira (22), um crime  de morte deixou perplexos e revoltados  os moradores da Rua P-9 do bairro Bela Vista, na periferia da cidade de Barbalha (a 538Km de Fortaleza). Uma mulher de 38 anos, foi assassinada a pauladas enquanto dormia na cama do casal.
O assassino foi o próprio esposo da vítima, o pedreiro Geovane Antônio dos Santos, 31  anos, que fugiu logo após o crime. Contudo, já no fim da tarde de quinta-feira ele acabou preso pela Polícia na cidade de Jardim (a 574Km da Capital). Na delegacia, o suspeito confessou o crime e disse que matou a mulher porque estava noutro quarto dormindo com um amante.
Veja, a seguir, a lista completa dos casos de assassinatos de mulheres no Ceará em 2017:
JANEIRO
1 – (03/01) – Ana Cleide Albuquerque (facadas) – Sede (VARJOTA)
2 – (03/01) – Emanuela Ramos de Oliveira (bala) – Rua Maranguape/Bom Jardim (CAPITAL)
3 – (11/01) – Geysa Araújo de Menezes (facadas) – Sede (NOVA RUSSAS)
4 – (13/01) – Paloma Cristina Pereira Nunes (bala) – Bairro Luiz Alves (LIMOEIRO DO NORTE)
5 – (13/01) – Juliane Mairle da Silva (bala) – Bairro Luiz Alves (LIMOEIRO DO NORTE)
6 – (18/01) – Maria Jeziane Pinheiro de Menezes (facadas) – (SÃO GONÇALO DO AMARANTE)
7 – (20/01) – Margarida da Costa Matos (outros meios) – Av. Sen. Fernandes Távora/Genibaú (CAPITAL)
8 – (21.01) – Rosângela Rodrigues do Nascimento (bala) – R. Desembargador Praxedes/Montese (CAPITAL)
9 – (21/01) – Carleane Rodrigues da Silva (bala) – Rua Rio Araguaia/Jardim Iracema (CAPITAL)
10 – (31/01) – Geralda Gonçalves de Sousa (outros meios) – (AQUIRAZ)

FEVEREIRO
11 – (01/02) – Socorro Gomes Ferreira (esganada) – Sede (QUIXADÁ)
12 – (05/02) – Vítima não identificada (bala) – Rua Luminosa/Granja Portugal (CAPITAL)
13 – (07/02) – Maria Luzanira de Sousa (outros meios) – Sede (MISSÃO VELHA)
14 – (07/02) – Rita Maria Ferreira dos Santos (bala) – Localidade Sítio Campestre (FORTIM)
15 – (18/02) – Vítima não identificada (bala) – Distrito Sucesso (QUIXERÉ)
16 – (19/02) – Francisca Maiara Diógenes Peixoto Borges (bala) – (ALTO SANTO)
17 – (20/02) – Vladna Dimara Araujo Silva (bala) – (JAGUARUANA)
18 – (20/02) – Luzirene da Conceição Rocha (bala) – Av. Perimetral/José Walter (CAPITAL)
19 – (20/02) – Valdirene Nascimento Ribeiro (bala) – R. Sargento Barbosa/Bom Jardim (CAPITAL)
20 – (21/02) – Jucely Alves Arrais (bala) – Zona Rural (AIUABA)
21 – (21/02) – Vítima não identificada (bala) – R. do Patrocínio/B. Pedreiras (CAUCAIA)
MARÇO
22 – (03/03) Maria Duarte de Freitas (faca) – Sede (PARACURU)
23 – (04/03) – Francisca Elivânia Cândido (outros meios) – (MAURITI)
24 – (05/03) – Ana Carolina Rodrigues dos Santos (bala) – R. Ayrton Senna/Jangurussu (CAPITAL)
25 – (05/03) – Irene Ferreira Pinto (faca) – Sede (TRAIRI)
26 – (07/03) – Paula Raiane Gomes da Silva (bala) – (JUAZEIRO DO NORTE)
27 – (09/03) – Sandra Goretti Justino de Lima (bala) – Rua Geraldo Barbosa/Bom Jardim (CAPITAL)
28 – (08/03) – Regivânia Lima Almeida (faca) –  Messejana (CAPITAL)
29 – (11/03) – Anathaxa Herlânia Lessa de Lima (bala) – Rua José Pereira de Abreu (MARANGUAPE)
30 – (13/03) – Francineide Diógenes Pinheiro (outros meios) – Conjunto Jereisssati II (MARACANAÚ)
31 – (15/03) – Sem identificação (faca) – Avenida Gov. Raul Barbosa/Aerolândia (CAPITAL))
32 – (20/03) – Marlene Maria da Silva (bala) – Sítio Baixa Grande (JATI)
33 – (22/03) – Ana Iracélia dos Santos (pauladas) – Bairro Bela Vista (BARBALHA)

blogdofernandoribeiro.com.br

Onda de assassinatos em Fortaleza força secretário a reunião de emergência com o comando das polícias nesta quinta

André Costa - secretário 7
André Costa mandou convocar as cúpulas das polícias para traçar ações de caça aos criminosos
Preocupado com a onda de assassinatos que atinge Fortaleza desde o começo do mês, quando já foram registrados mais de 100 homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, o secretário da Segurança Pública do Ceará, delegado federal André Costa, convocou uma reunião de emergência em seu gabinete na manhã desta quinta-feira (23).
André Costa mandou chamar às pressas à sede da SSPDS (bairro São Gerardo) o alto comando da Polícia Militar e a cúpula da Polícia Civil para saber o que motivou a sequência de assassinatos em série nas ruas da Capital nas últimas semanas. Somente entre a sexta-feira (17)  e o domingo (19), 28  pessoas foram mortas nas ruas, bairros e favelas de Fortaleza.
Matança
Um triplo homicídio e dois duplos ocorreram entre sexta e sábado, nos bairros  Álvaro Weyne, Barroso e Farias Brito, respectivamente. Já na última  terça-feira (21), um novo duplo assassinato  teve como palco o bairro Quintino Cunha.  Já no intervalo de quatro dias, entre sábado (18) e quarta-feira (22), dois agentes da Segurança Pública foram assassinados na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), um cabo da PM, em Caucaia; e um subtenente do Corpo de Bombeiros, em Maracanaú.
A preocupação do secretário André Costa não é só de momento, já que a seqûencia de mortes violentas já comprometeu, antecipadamente, os resultados do combate aos Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs) do mês de março e, trazendo retrocessos e prejuízos para o programa “Ceará Pacífico”, que é  encabeçado pessoalmente pelo governador Camilo Santana (PT)  e coordenado pela vice-governadora do estado, Izolda Cela.
Na reunião, a portas fechadas, o secretário cobrou explicações e operações de impacto nas áreas mais violentas da cidade para tentar frear a onde de assassinatos na cidade.
blogdofernandoribeiro.com.br