Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

terça-feira, 21 de março de 2017

Uso de alguns anti-inflamatórios aumenta risco de parada cardíaca, segundo pesquisa


Entre os anti-inflamatórios não esteroides, o naproxeno se mostrou o menos prejudicial (Foto Portal Brasil)

Uma pesquisa publicada recentemente pela revista científica European Heart Journal e comandada pelo Hospital Universitário Gentofte, de Copenhague (Dinamarca), mostrou que o uso de alguns tipos de anti-inflamatórios não esteroides (AINEs) pode ser prejudicial ao coração.

Segundo o estudo, alguns medicamentos que são usados para combater a inflamação, como o diclofenaco, naproxeno, ibuprofeno, rofecoxib, celecoxib e outros, estão associados ao aumento do risco de parada cardíaca.

Entre os anos de 2001 e 2010, pesquisadores analisaram as paradas cardíacas registradas na Dinamarca fora dos hospitais. Das 28.947 pessoas que sofreram uma parada cardíaca, 3.376 utilizaram algum tipo de anti-inflamatório até 30 dias antes de o problema acontecer. Entre as pessoas que utilizaram algum tipo de AINEs antes de sofrer a parada cardíaca, 51% delas consumiram ibuprofeno e 21,8% fizeram uso do diclofenaco – os dois anti-infamatórios não esteroides mais consumidos na Dinamarca.

Uso dos anti-inflamtórios no Brasil

No País, conforme o livro "Tarja Preta – Os segredos que os médicos não contam" sobre os remédios que você toma, de Marcia Kedouk, um dos 10 medicamentos mais vendidos é composto por diclofenaco.



Fonte O Povo

Policial e assaltante são baleados no interior do Ceará



Um cabo da Polícia Militar foi baleado na última segunda-feira (20) ao tentar evitar um assalto a um posto de combustíveis no município de Barreira, interior do Ceará. Dois homens suspeitos de participação no crime foram presos após troca de tiros com a polícia.

De acordo com o tenente-coronel Lyndon Johnson, comandante de policiamento da região, o policial estava à paisana sendo atendido no posto de gasolina. O agente percebeu o momento em que dois criminosos em uma moto renderam os funcionários do estabelecimento e anunciaram o assalto. 

O cabo da PM trocou tiros com os suspeitos e foi atingido. O policial conseguiu atingir um dos assaltantes, que acabou sendo preso em flagrante. O outro conseguiu fugir na moto. Uma arma de fogo foi apreendida.

Uma equipe do Ronda do Quarteirão foi acionada e perseguiu o assaltante até uma residência. No local, estavam outros suspeitos escondidos. Houve nova troca de tiros e um homem foi preso. 

Os demais suspeitos conseguiram fugir. No local foi apreendido um revólver e munição. 

O policial militar e o suspeito baleado foram socorridos a um hospital da região, onde receberam atendimento médico e seguem internados. Segundo a polícia, eles não correm risco de morrer em decorrência dos ferimentos.
O outro suspeito foi conduzido à Delegacia Regional de Baturité, que investiga o caso. O Comando Tático Rural (Cotar) e o Comando Tático Motorizado (Cotam) realizam buscas na região para tentar prender os outros homens que fugiram.
 


Fonte G1 Ceará