Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

terça-feira, 28 de março de 2017

Sobe para 1.281 o número de casos da febre chikugunya no Ceará


post-feature-image


Subiu para 1.281 o número de casos confirmados de febre chikugunya no Ceará em 2017, doença transmitida pelo mosquito aedes aegypti, mesmo transmissor da dengue e vírus da zika. Conforme a Secretaria da Saúde do Ceará, uma pessoa morreu em decorrência da doença.

Com 705 casos, Fortaleza é a cidade com maior índice da febre. Uma pessoa morreu na capital. O município de Baturité, no Norte do Ceará, aparece em segundo lugar do ranking da doença, com 208 casos confirmados.

Os primeiros casos da febre de chikungunya confirmados em Fortaleza ocorreram no ano de 2014. No período de 2014 a 2017 foram confirmados 18.096 casos de febre de chikungunya, sendo 17.629 (97,4%) em Fortaleza e 467 (2,6%) de outros municípios. Em todo o ano passado, foram 19 mortes na capital devido à patologia, além de 4 mortes que estão sendo investigadas sob suspeita da febre.

Dengue

O número de casos de dengue chegou a 1.981 neste ano, segundo a Secretaria da Saúde. Nove casos são considerados grave. Não foi registrado nenhum óbito neste ano em decorrência da doença.

Cearanse é encontrada morta dentro de um carro no Rio de Janeiro



post-feature-image

Elenice Alves Sobrinho, 20 anos, natural do Município de Monsenhor Tabosa, foi assassinada no Rio de Janeiro, a mesma morava com sua mãe, Denise Alves, na comunidade do Pavão.

Elenice estava desaparecida desde a noite de terça-feira, (21), semana passada, a mesma tinha indo a uma balada, e desde então não apareceu, a família viveu momentos de angustia, na expectativa de reencontrar Elenice com vida.

Infelizmente Elenice, foi encontrada no último domingo, (26), sem vida dentro de um carro pela polícia, a mesma foi assassinada a tiros, A mãe de Elenice reconheceu o corpo da filha no necrotério.

Elenice, havia visitado familiares e amigos no início deste mês de março no Município de Monsenhor Tabosa, e havia retornado ao Rio de Janeiro a cerca de uma semana.

O corpo da Jovem será trazido para o Município de Monsenhor Tabosa , aonde será sepultado em sua terra natal.
 Créditos: Monsenhor Tabosa News