Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

sexta-feira, 3 de março de 2017

Infrações de trânsito no carnaval crescem 121% no Ceará, aponta PRF



post-feature-image

O número de infrações durante o período de carnaval aumentou 121% nas rodovias federais que cortam o Ceará, segundo balanço divulgado nesta quinta-feira (2) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Foram 4.322 autos de infração registrados no feriado prolongado deste ano, contra 1.948 em igual período de 2016.

Outro destaque foi o número de multas por ultrapassagem proibida, com um total de 589. As demais multas foram pelo não uso do capacete (91) e falta do cinto de segurança (89).

A PRF autuou também 45 pessoas por embriaguez ao volante, um a menos que o registrado no carnaval de 2016. Cinco pessoas foram detidas ao serem flagradas dirigindo sob efeito de bebida alcoólica.

A Polícia Rodoviária Federal informou que foram fiscalizados 7.561 veículos e 7.628 pessoas, que resultaram na apreensão de 33 carteiras de habilitação por algum tipo de irregularidade.

Aliando fiscalização à educação para o trânsito, a PRF realizou palestras educativas durante as abordagens a veículos e ônibus que utilizaram rodovias federias. No total, 3.543 pessoas foram participaram de 120 ações de educação para o trânsito realizadas pelo órgão.

Acidentes
Ainda conforme balanço da PRF, foram contabilizados 46 acidentes, com 42 feridos e duas mortes. O número de acidentes é 4% maior que o registrado durante o carnaval de 2016, quando ocorreram 44 ocorrências.

Mãe morre durante a noite e filho fica dois dias sozinho tentando acordá-la



Na época, a criança ficou sem comida ou água durante o tempo que passou ao lado do corpo da mãe.

Mãe morre durante a noite e filho fica dois dias sozinho tentando acordá-la
Vítima de asma durante a noite, Lydia Macdonald, de 28 anos, morreu e foi encontrada morta depois de dois dias, enquanto seu filho, Mason, de três anos, ficou sozinho em casa tentando acordá-la.

Na época, a criança ficou sem comida ou água durante o tempo que passou ao lado do corpo da mãe. Quem a encontrou foi uma amiga, que percebeu a ausência incomum de Lydia, decidiu ir até a casa da mulher e escutou a criança chorando: "Eu não consigo acordar a mamãe".

Dois anos depois da morte, Linda, de 58 anos, mãe de Lydia, agora lidera uma campanha de conscientização sobre mortes por asma. Segundo dados, a doença mata três pessoas todos os dias no Reino Unido. "Nós esperamos que compartilhando a história de Lydia possamos salvar pelo menos uma vida", disse Linda ao site The Sun.

O pai de Mason morreu quando o garoto tinha apenas oito meses, portanto hoje a criança mora com os avós maternos.
Informaçoes RedeTV

LADRÃO CARA DE PAU: Assaltante pede carona para fugir da Polícia, mas acaba preso a poucos metros do local do crime


Além do suspeito preso, outros dois homens também participaram de sequência de assaltos no Bairro Maraponga.
Uma perseguição policial resultou na prisão de um suspeito de participar de uma sequência de assaltos no Bairro Maraponga, em Fortaleza, na noite da última quarta-feira (1º). O que chamou atenção foi que o suspeito, após ser baleado, pediu carona a um dos moradores na Avenida Perimetral, para ir até o Bairro Siqueira, contudo o morador se recusou a ajudá-lo.

Com a recusa, ele tentou fugir a pé, mas acabou sendo achado pelos policiais do Raio, poucos metros depois da ação criminosa.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal que foi responsável pela operação, além dele, outros dois homens estavam em um Fiat Palio e fizeram uma sequência de assaltos a aparelhos de celular nas proximidades de alguns supermercados do bairro.

Segundo relato da Polícia, um dos suspeitos do assalto só estava livre havia apenas 20 dias, e ainda estava com o alvará de soltura. O carro que foi usado para realizar a ação criminosa pertence a mãe de um dos assaltantes. Os foragidos moram nas imediações e estão sendo procurados pela Polícia.

Fonte: Tribuna do Ceará