Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

domingo, 19 de março de 2017

Chove em apenas 12 cidades no Dia de São José; Tamboril tem maior precipitação


foto
A previsão da Funceme para este domingo é de nebulosidade variável em três regiões. ( Arquivo )





Para o sertanejo, as chuvas que caírem no Dia de São José, padroeiro do Ceará, costumam ser referência para a quadra chuvosa. No entanto, houve precipitações em apenas 12 municípios cearenses, entre 7h do último sábado (18) e 7h deste domingo (19), conforme a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).
 
 A maior precipitação foi registrada em Tamboril, na região do Sertão Central e Inhamuns, onde choveu 32.6 mm, seguida das que caíram nos municípios de Morada Nova (20 mm) e Limoeiro do Norte (19.2 mm). Na região do Litoral de Fortaleza, a maior chuva foi registrada em Itaitinga, onde foram medidos apenas 3 mm. 
 

No último sábado (18), as precipitações atingiram 53 cidades, especialmente o município de Assaré que registrou 70 mm e novos pontos de destruição e famílias desabrigadas.

Previsão do tempo

A previsão da Funceme para este domingo é de nebulosidade variável com eventos de chuva no litoral Norte, serra da Ibiapaba e Sul do Estado. Nas demais regiões, há possibilidade de chuvas isoladas.



Fonte Diário do Nordeste

Entenda por que você não deve dormir próximo ao seu celular


dormir-celular
Smartphones e computadores podem ser extremamente úteis. Eles funcionam como meio de comunicação, trabalho, documentação e uma série de coisas mais divertidas. Logo, algumas pessoas os têm como um verdadeiro membro do corpo, e são incapazes de se separar deles – até mesmo na hora de dormir. No entanto, isso é exatamente o que você nunca deveria fazer com um smartphone, de acordo com informações da Gizmodo.
Um incidente recente envolvendo um iPhone 7 e uma australiana chamada Melanie Tan Pelaez, exemplifica o tema. Ela relatou ter acordado com queimaduras dolorosas de segundo grau em seu braço, mas até então não sabia o motivo. Posteriormente, quando procurou ajuda médica, descobriu a razão. “Nós analisamos as marcas em meu braço e comparamos com o celular e o carregador”, disse ela entrevista ao News.com.au.

Smartphones e computadores podem ser extremamente úteis. Eles funcionam como meio de comunicação, trabalho, documentação e uma série de coisas mais divertidas. Logo, algumas pessoas os têm como um verdadeiro membro do corpo, e são incapazes de se separar deles – até mesmo na hora de dormir. No entanto, isso é exatamente o que você nunca deveria fazer com um smartphone, de acordo com informações da Gizmodo.

Um incidente recente envolvendo um iPhone 7 e uma australiana chamada Melanie Tan Pelaez, exemplifica o tema. Ela relatou ter acordado com queimaduras dolorosas de segundo grau em seu braço, mas até então não sabia o motivo. Posteriormente, quando procurou ajuda médica, descobriu a razão. “Nós analisamos as marcas em meu braço e comparamos com o celular e o carregador”, disse ela entrevista ao News.com.au.

A Apple afirmou ter tentado entrar em contato com a mulher para investigar o incidente, conforme reportou o site de notícias australiano, no entanto, disse que não forneceria mais informações sobre o caso. Ainda que pareça improvável, este é um cenário possível, uma vez que recentemente um modelo específico da Samsung (Note 7) foi envolvido em vários casos de explosões.



dormir-celular_3 

Um incidente recente envolvendo um iPhone 7 e uma australiana chamada Melanie Tan Pelaez, exemplifica o tema. Ela relatou ter acordado com queimaduras dolorosas de segundo grau em seu braço, mas até então não sabia o motivo. Posteriormente, quando procurou ajuda médica, descobriu a razão. “Nós analisamos as marcas em meu braço e comparamos com o celular e o carregador”, disse ela entrevista ao News.com.au. 

A Apple afirmou ter tentado entrar em contato com a mulher para investigar o incidente, conforme reportou o site de notícias australiano, no entanto, disse que não forneceria mais informações sobre o caso. Ainda que pareça improvável, este é um cenário possível, uma vez que recentemente um modelo específico da Samsung (Note 7) foi envolvido em vários casos de explosões.

dormir-celular_2 

Incidentes como o de Pelaez, muitas das vezes, são resultados de negligência no momento em que o aparelho está sendo carregado. Um gadget é projetado para liberar o excesso de calor quando superaquece, se algo o impede de fazer isso, o calor em questão é transferido para um objeto próximo – no caso, o braço da australiana. Já para o caso dos aparelhos da Samsung, o problema não estava relacionado à ação do usuário, mas sim a baterias defeituosas.

Contudo, além de representar riscos pela explosão, dormir com celular também pode reduzir a qualidade do sono, em razão da luz que irradia da tela – algo que nem mesmo a redução da resolução ou brilho ajudará. Então, experimente deixá-lo com a tela virada para baixo e distante de seu corpo na hora de dormir.



Fonte R7