Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

terça-feira, 23 de maio de 2017

Alcione surpreende ao surgir quase 20Kg mais magra; veja foto

A cantora Alcione surpreendeu os internautas ao surgir bem mais magra em foto publicada em seu Instagram no último domingo, 21. Segundo o site "Purepeople", a sambista perdeu mais quatro quilos desde o final de fevereiro. "Ela perdeu uns 20 quilos desde que teve aquele problema de saúde (uma internação em dezembro passado em virtude da elevação na taxa glicêmica). A Marrom está se cuidando e fazendo dieta, seguindo as orientações do nutricionista, e exercícios. Saúde e beleza vieram juntos", disse a assessoria de imprensa da artista à publicação. 

 
 
O registro publicado por Marrom nas redes sociais foi feito antes dela entrar no palco da Virada Cultural, em São Paulo. Vários comentários nas redes sociais exaltaram a beleza da sambista.
BNews 

PF prende assessor de Temer e 2 ex-governadores do DF por fraude em estádio da Copa


garrincha
 
Os ex-governadores do Distrito Federal José Roberto Arruda (PR) e Agnelo Queiroz (PT) foram presos pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (23). O ex-vice governador e atual assessor especial do presidente Michel Temer, Tadeu Filippeli, também foi detido na Operação Panatenaico, que investiga uma organização criminosa que fraudou e desviou recursos das obras para a reforma do Estádio Nacional Mané Garrincha, feira para Copa do Mundo de 2014.

As obras no estádio, orçadas inicialmente em cerca de R$ 600 milhões, custaram ao fim de 2014 mais de R$ 1,5 bilhão. O superfaturamento pode ter chegado a quase R$ 900 milhões. A operação é baseada na delação premiada da empreiteira Andrade Gutierrez.

Cerca de 80 policias federais foram designados para o cumprimento de 15 mandados de busca de apreensão, 10 mandados de prisão temporária, além de 3 conduções coercitivas, segundo a PF. As medidas foram determinadas pela 10ª Vara da Justiça Federal no DF. Todas as ações ocorrem em Brasília e arredores.

Além dos ex-governadores e do ex-vice, estão entre os alvos agentes e ex-agentes públicos, construtoras e operadores das propinas que atuaram ao longo de três gestões do governo. Segundo a Polícia Federal, a suspeita é de que os investigados tenham simulado procedimentos previstos em edital de licitação.

Conforme o órgão, a reforma do Estádio Mané Garrincha, ao contrário dos outros estádios da Copa do Mundo, não foi financiada com dinheiro público e nem recebeu empréstimos do BNDES, mas da Terracap, "mesmo sem que a estatal tivesse este tipo de operação financeira prevista no rol de suas atividades", informou em nota.

A obra do Mané Garrincha foi a mais cara entre as arenas reformadas para a Copa de 2014 e foi realizada "sem prévios estudos de viabilidade econômica". Além disso, a Terracap, companhia estatal do DF, tem 49% de participação da União e "encontra-se em estado de iminente insolvência", revela a PF.

O nome da operação é uma referência ao Stadium Panatenaico, sede dos jogos panatenaicos, competições realizadas na Grécia Antiga que foram anteriores aos jogos olímpicos. A história desta arena utilizada para a prática de esportes pelos helênicos, tida como uma das mais antigas do mundo, remonta à época clássica, quando estádio ainda tinha assentos de madeira. A construção foi toda remodelada em mármore, por Arconte Licurgo, no ano 329 a.C. e foi ampliado e renovado por Herodes Ático, no ano 140 d.C., com uma capacidade de 50 mil assentos. 

 
Os restos da antiga estrutura foram escavados e restaurados, com fundos proporcionados para o renascimento dos Jogos Olímpicos. O estádio foi renovado pela segunda vez em 1895 para os Jogos Olímpicos de 1896. 


Fonte Diário do Nordeste