Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

sábado, 12 de agosto de 2017

Governo pretende acabar com auxílio para famílias de presos


Está sendo estudada pelo governo Temer a possibilidade de cortar o auxílio-reclusão dado à família de presidiários contribuintes do Instituto Nacional do Seguro Social, o INSS. O Ministério da Fazenda divulgou cálculos indicando que a medida geraria uma economia de R$ 600 milhões no ano que vem. As informações são do blog Coluna do Estadão.

O projeto já é defendido por ministros, embora esteja apenas em fase inicial de discussão. Em entrevista à coluna, um deputado teria comentado: “Não é pra fazer caixa. Isso é um absurdo. Na situação que o país está? Benefício para preso?".

Na atual conjuntura de crise política e econômica que o País passa, a proposta ganha força na sua fase de estudo, mas ainda precisa ser oficializada e encaminhada pelo governo por meio de um Projeto de Emenda à Constituição (PEC), que precisa ser aprovada no Congresso.

Tia se casa com sobrinho no Paraná e causa polêmica


Um casal de Maringá, no Paraná, tem causado polêmica após anunciar seu casamento. O problema é que Cleusa de Andrade, 45 anos, casou com o próprio sobrinho, Welson de Souza, 31 anos.

Cleusa e Welson formalizaram a união no dia 16 de maio deste ano no cartório da cidade. No entanto, a família do casal não aceita o relacionamento, que já está repleto de confusão. Recentemente, o ex-marido de Cleusa tentou sequestrar o sobrinho, mas foi impedido pela própria filha.

Apesar de toda confusão, o único desejo do casal é ser feliz. "Eu queria que eles entendessem que como não deu certo com meu ex-marido, eu tenho a chance de ser feliz com outro", desabafou Cleusa a um jornal local.

Para a família do rapaz, a tia está se relacionando com Welson por interesse, já que o homem é aposentado e recebe um benefício do governo.

Tarado estupra criança até a morte e em vídeo leva cadáver para passear


Um crime está mexendo com o país. Um homem teria estuprado até a morte uma menina de 9 anos. Ela foi identificada como Carla Roberta Barbosa. A garota, muito conhecida pela sua simpatia, acabou sendo morta e um vídeo mostra o que aconteceu momentos depois do seu falecimento. O homem que teria cometido o crime, Roberto Mariano, aparece nas imagens divulgadas pela polícia com o cadáver de Carlinha, como era conhecida a menina, em um carrinho. Ele usa a estrutura para percorrer as ruas da cidade de Santos.

Estuprador passeia com corpo de criança com carrinho e joga cadáver em terreno baldio de Santos

Após aparecer nas imagens transportando o corpo de Carla em um carrinho, o homem teria jogado a garota em um terreno.

Ele deixou o corpo abandonado. Por conta das imagens, Renato teve o mandado prisão expedido. Além do vídeo, estavam com eles objetos que seriam da vítima. Exames já foram feitos no corpo de Carlinha, mas o resultado deve ser divulgado apenas nas próximas semanas.

Homem que estuprou menina e a jogou em carrinho para passear em Santos está foragido

Agora o homem que aparece nas imagens está foragido. De acordo com informações do G1, a Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo ofereceu cerca de R$ 50 mil para quem conseguir ajudar a identificar qual o seu paradeiro. Apesar do crime ganhar a mídia nesta quinta-feira (10), a morte de Carlinha aconteceu no dia 29 de janeiro.

Corpo de Carlinha foi achado sem calcinha. Estuprador perseguiu menina usando bicicleta

O cadáver foi achado sem as roupas íntimas.

A polícia também encontrou imagens que mostram o estuprador perseguindo a garota através de uma pequena bicicleta. O crime foi investigado pela polícia de Santos, no litoral de São Paulo. Em entrevista ao G1, o delegado Renato Mazagão explicou tudo o que aconteceu. O delegado informou que a polícia monitorou mais de 50 câmeras. Elas mostraram o momento em que o bandido levou a garota para dentro de um cortiço. Ele morava no local e lá cometeu o abuso contra a garota.

Após estuprar menina, homem limpa casa com cloro e foge

O homem tinha brinquedos na casa onde realizou o abuso. De acordo com os vizinhos, ele lavou todo o ambiente com cloro e, em seguida, acabou fugindo. A família de Carlinha clama por justiça e diz que não entende como uma garota poderia ser morta dessa forma e como uma pessoa seria capaz de fazer tudo isso.

E você, o que acha a respeito de uma barbaridade como essa? Deixe o seu comentário.
 É Manchete! via Blasting News