Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Garoto morre soterrado enquanto retirava terra de um barranco em Juazeiro no Norte

Populares se revezaram nos serviços de resgate de Patrício Moreira, de apenas 12 anos

Um menino de 12 anos morreu soterrado quanto retirava terra de um barranco em Juazeiro do Norte, sul do Ceará, na manhã da última segunda-feira (31). Segundo testemunhas, desde cedo, Patrício José Lima Moreira e dois amigos retiravam terra do local quando a parede do barranco desmoronou e ele ficou embaixo da terra.
O Corpo de Bombeiros e a população tentaram tirar o garoto do buraco formado pela retirada da terra. Um trator foi usado para escavar o local em que o menino ficou soterrado mas, apesar do esforço, ele estava morto quando foi encontrado.
Cícera Lorena Lima, tia de Patrício, disse que ele estava retirando barro para aterrar a frente das casas de um conjunto habitacional, entregue aos moradores há pouco mais de dois meses. Em nota, a Prefeitura de Juazeiro do Norte disse que vai fazer uma vistoria no terreno do Conjunto Habitacional para verificar se houve alguma irregularidade na construção das casas.

Deputado Wladimir Costa tatua nome de Temer no ombro d


Conhecido pelas polêmicas que lançou durante a votação da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) a respeito da denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB), o deputado federal Wladimir Costa (SD-PA) decidiu marcar para sempre o apoio a Temer.
O parlamentar fez uma tatuagem no ombro direito com o nome do presidente, a qual afirma ser permanente. "Paraense não é de se arrepender não", disse Costa. A tatuagem, finalizada na última sexta-feira, 28, custou R$ 1.200 em seis vezes no cartão, disse o parlamentar.

"Cada um com suas paixões. Não tem gente que tatua Che Guevara, Fidel Castro, o presidente da Coreia? Todos falsos socialistas usando (relógio da marca) Rolex?", afirmou Wladimir Costa à reportagem.

"Sou admirador nato (de Temer), sou amigo dele há quase 16 anos. Nesse momento, que tentam derrubar ele a qualquer custo, é minha forma de mostrar que parceiro que é parceiro derrama até a última gota de sangue".

Wladimir, que se diz "confiante na vitória do governo" na próxima quarta-feira, quando está prevista a votação sobre a denúncia, disse que pretende mostrar a tatuagem no plenário, após seu voto. "Até porque eu tenho um corpo belíssimo", disse.

Ainda segundo o parlamentar, "a dor valeu a pena" e até planeja fazer uma próxima, dessa vez na costela. "Quero escrever 'Temer, o único e verdadeiro estadista do Brasil'". O parlamentar disse, ainda, que sua mulher se emocionou ao ver o resultado. "Ela é fã de Temer. É formada em Direito e é grande leitora dos livros do presidente. Mas, se ela quiser tatuar o nome dele, eu não deixo".

O parlamentar disse que ainda não mostrou ao presidente sua homenagem. "Não fiz para ele, fiz para mim. Queria que a minha tatuagem fosse maior que a da Marcela (Temer, mulher do presidente, que tem uma tatuagem no pescoço com seu nome)", afirmou.

O POVO Online