Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Após ser assaltado 15 vezes em um ano, Idoso faz armadilha, mata ladrão e é preso veja reportagem


     

Um idoso que matou um suspeito de assalto durante a madrugada dentro de uma casa O idoso diz “Era ele ou eu” Segundo informações, a armadilha foi acionada quando o ladrão abriu a porta da cozinha. 
Uma espécie de ratoeira formada por canos de PVC e arame farpado estava ligada a uma espingarda calibre doze, apontada para a porta, que disparou dois tiros fatais no invasor. 
Vizinhos do proprietário afirmaram ter visto o ladrão chegar de bicicleta e pulado o muro para invadir a casa. A polícia foi chamada e quando chegou na residência o ladrão já estava morto na porta da cozinha. Segundo o delegado que investiga o caso, o bandido, de 28 anos, estava em liberdade provisória e seria ouvido ontem, no Fórum da Cidade, para prestar esclarecimentos sobre outros crimes de roubo já cometidos na região de Formosa. 
 Ele explica que o ladrão havia adiado o depoimento que faria na tarde de ontem sob a alegação de que iria trabalhar. Só não explicou a natureza da atividade. O dono da casa não estava na propriedade na hora da tentativa de invasão e estava afirma ter sido alvo de oito assaltos nos últimos anos. O homem pode pegar de seis a 12 anos de prisão por ter preparado uma armadilha que matou um ladrão que invadiu sua casa. Ele pode ser indiciado por crime doloso, quando há a intenção de matar


Clique logo abaixo para ver o video completo
      
Fonte: Revista NP.com

Casal é preso acusado de matar grávida porque vítima "fazia fofoca"



Um dos suspeitos confessou o crime. Patrícia da Conceição, de 23 anos, foi espancada com martelo e pau, enforcada e teve o corpo queimado.
Goiás - O borracheiro Weverson Batista de Aguiar, de 26 anos, e a mulher dele, a dona de casa Dejane Antunes Machado Pinheiro, de 40, foram presos em Aparecida de Goiânia (GO), na segunda-feira, acusados do assassinato de uma mulher grávida. A vítima é Patrícia da Conceição, de 23 anos, que estava com três meses de gestação. Aguiar confessou o crime, alegando que a vítima fazia fofocas da sua vida.

A gestante foi espancada com martelo e paus e enforcada com fios elétricos. Ela teve o corpo queimado e jogado na Região Metropolitana de Goiânia. O crime ocorreu em 2 de junho. O casal aguarda em celas separadas e isoladas porque correm risco de linchamento.

A ocultação do cadáver foi feita por três adolescentes, entre eles, dois filhos de Dejane. Os três responderão por ato infracional. O casal será indiciado por homicídio qualificado, aborto, ocultação de cadáver e corrupção de menores.

Fonte: O Dia